Busca avançada
Ano de início
Entree

Verificação de proteínas da saliva candidatas a marcadores em CEC e sua correlação com o prognóstico

Processo: 17/09526-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 03 de outubro de 2017
Vigência (Término): 02 de janeiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:Adriana Franco Paes Leme
Beneficiário:Tatiane de Rossi Mazo
Supervisor no Exterior: Robert Moritz
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Institute for Systems Biology, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:15/12431-1 - Verificação de proteínas da saliva candidatas a marcadores em CEC e sua correlação com o prognóstico, BP.DR
Assunto(s):Biomarcadores   Proteômica   Saliva

Resumo

O câncer oral mais comum no mundo é o carcinoma de células escamosas (CEC), responsável por mais de 90% de todos os casos de câncer na cavidade oral. Assim, a pesquisa de marcadores moleculares envolvidos no desenvolvimento de doenças humanas tem sido alvo de intensas pesquisas. Os biomarcadores já estabelecidos são aplicados na prática clínica rotineira, tanto no diagnóstico quanto no prognóstico, bem como orientando estratégias terapêuticas para a intervenção. Os achados de que a saliva apresenta perfis moleculares que podem indicar doenças sistêmicas estimulam o estudo do diagnóstico não-invasivo com saliva como fonte de potencial diagnóstico, prognóstico e preditivo baseado na proteômica. Nos estudos de proteômica baseados em descobertas (shotgun proteomics) que vêm sendo desenvolvidos pelo nosso grupo de pesquisa, observou-se (1) a abundância diferencial de 137 proteínas segregadas, em linhagens celulares de CEC em comparação com linhagem celular não tumoral e (2) abundância diferencial de 44 proteínas em saliva de pacientes com CEC (lesão ativa) em comparação com pacientes que tiveram o tumor removido. Com base nesses dados em larga escala, em um estudo subsequente de proteômica direcionada (targeted proteomics), verificamos a abundância de 10 proteínas na saliva de pacientes com CEC. No entanto, embora esses estudos indiquem potenciais candidatos a marcadores, sua correlação com o prognóstico não pode ser realizada devido à distribuição heterogênea dos pacientes entre as diferentes fases. Desta forma, o objetivo deste projeto é avaliar 68 proteínas candidatas a marcadores originados a partir desses estudos do nosso grupo para definir um painel de proteínas que podem ser utilizadas como potenciais marcadores de prognóstico. Portanto, para reunir conhecimentos especializados sobre a realização de experimentos proteômicos quantitativos em tecnologia de ponta, propomos um projeto de colaboração na fase de verificação para validar 39 peptídeos proteotípicos, que fazem parte do painel de candidatos a biomarcadores na saliva.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.