Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação dos canais termoTRP nos efeitos do ciclo estral na termorregulação em ratos

Processo: 18/04912-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 30 de setembro de 2018
Vigência (Término): 29 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Geral
Pesquisador responsável:Maria Camila Almeida
Beneficiário:Giovana Marchini Armentano
Supervisor no Exterior: Andrej A. Romanovsky
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Local de pesquisa : St. Joseph's Hospital and Medical Center, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/13062-5 - Efeito da estimulação crônica dos receptores de frio - TRPM8 no ganho de peso de camundongos ob/ob: implicações para o controle da obesidade, BP.IC
Assunto(s):Neurofisiologia   Mecanismos moleculares   Temperatura ambiente   Regulação da temperatura corporal   Estrógenos   Canais de receptores transientes de potencial

Resumo

Os mecanismos moleculares para detectar a temperatura ambiente (Ta) e a temperatura interna do corpo (Tc) não foram amplamente conhecidos até a recente descoberta dos canais TRP (do inglês "transient receptor potential"), particularmente aqueles sensíveis à temperatura (termoTRP).A regulação da Tc é extremamente importante para a manutenção da homeostase de organismos vivos e de sistemas termorreguladores para defender a temperatura do núcleo contra uma gama de temperaturas ambiente. O TRPM8 é caracterizado como o principal canal termoTRP envolvido na termorregulação nas respostas aos estímulos frios. Além disso, semelhante à mulheres na menopausa, a deficiência de estrogênio dada pela retirada dos ovários de ratos fêmeas aumenta a sensibilidade da via de defesa do calor, levando à ativação de efetores de perda de calor, uma disfunção termorreguladora que imita os "hot flushes".Com base no envolvimento dos canais TRPM8 na termorregulação, pretendemos estudar se o bloqueio do TRPM8 pode contribuir para o comportamento termorregulatório, a fim de ativar efetores comportamentais de perda de calor em um modelo de "hot flushes" em fêmeas. Para esse fim, as fêmeas com e sem remoção de ovário serão usadas para verificar se o bloqueio de canais de TRPM8 periféricos altera seu comportamento termorregulatório. (AU)