Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de ramnolipídeos em frascos agitados e biorreator

Processo: 18/16411-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 21 de setembro de 2018
Vigência (Término): 20 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:José Gregório Cabrera Gomez
Beneficiário:Vânia Novello
Supervisor no Exterior: Gloria Soberón Chávez
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidad Nacional Autónoma de México, Coyoacán (UNAM), México  
Vinculado à bolsa:15/25348-5 - Análise da distribuição de fluxos metabólicos na produção de ramnolipídeo e polihidroxialcanoato por Pseudomonas aeruginosa LFM 634 utilizando glicose marcada (C13), BP.IC
Assunto(s):Bioprodutos   Ramnolipídeo   Reatores biológicos   Pseudomonas   Poluição ambiental

Resumo

O acúmulo de materiais de origem petroquímica no solo e na água tem sido um grande problema de poluição ambiental devido a sua dificuldade de degradação e reincorporação nos ciclos biológicos. Uma alternativa para superar esta situação é o uso de bioprodutos biodegradáveis produzidos por Pseudomonas spp., um exemplo é o ramnolipídeo, um biossurfactante, que é um surfactante natural de baixa toxicidade e de fácil degradação. O biossurfactante pode substituir surfactantes petroquímicos. Os ramnolipídeos têm aplicações em diversas áreas como em cosméticos, alimentos, agricultura, biorremediação e até mesmo na indústria do petróleo. No entanto, este bioproduto tem um alto custo de produção e é difícil produzi-lo em larga escala, portanto, pesquisas voltadas criação de estratégias para reduzir os custos de produção são de extrema importância. Um dos problemas para a produção de ramnolipídeos em grande escala é a formação de espuma em biorreatores, fazendo com que as células sejam carregadas pela espuma e fiquem aderidas as paredes do biorreator. Neste estudo, serão realizadas culturas em frascos agitados e em biorreator para avaliar a produção de ramnolipídeos por linhagens de Pseudomonas aeruginosa. O objetivo principal é analisar o processo de formação de espuma nestes cultivos e procurar alternativas para solucionar este problema.