Busca avançada
Ano de início
Entree

Reologia de compósito de polipropileno reciclado reforçado com papel residual para obtenção de filamentos sustentáveis para impressão 3D

Processo: 20/02361-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 25 de maio de 2021
Vigência (Término): 24 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica
Pesquisador responsável:Herman Jacobus Cornelis Voorwald
Beneficiário:Daniel Magalhães de Oliveira
Supervisor no Exterior: Denis Rodrigue
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Local de pesquisa : Université Laval, Canadá  
Vinculado à bolsa:19/02607-6 - Filamento sustentável para impressão 3D a partir do polipropileno reciclado reforçado com papel residual, BP.DR
Assunto(s):Impressão tridimensional   Polipropilenos   Reciclagem   Reologia

Resumo

Um dos maiores desafios da sociedade contemporânea é lidar com a geração excessiva de resíduos sólidos e seu descarte. O crescimento demográfico combinado ao desenvolvimento tecnológico causa um aumento nos padrões de produção e consumo industrial, criando pressão nos sistemas e recursos naturais. Além disso, o gerenciamento inadequado de resíduos e a falta de áreas apropriadas de descarte trazem consequentemente impactos ambientais globais. As políticas ambientais orientam governos, sociedade, academia e indústria em direção ao gerenciamento sustentável de resíduos sólidos. Portanto, a manufatura aditiva (AM) surgiu como uma solução que incentiva o desenvolvimento de novos materiais a partir de fontes renováveis e novas tecnologias de manufatura. Por razões de sustentabilidade, os filamentos de impressão 3D podem ser fabricados a partir de polímeros e compósitos reciclados, permitindo reduzir o custo dos materiais, mantendo seu desempenho e vida útil. Entretanto, as propriedades reológicas afetam o processamento dos polímeros fundidos, influenciando diretamente as propriedades morfológicas e mecânicas, bem como o desempenho do produto final. Portanto, este projeto visa a fabricação de polipropileno reciclado (PP) a partir de copos descartáveis reforçados com compósitos de papel residual para obter filamentos sustentáveis para impressão 3D. Em particular, é realizado um estudo reológico completo para prever e entender as propriedades do fluxo para otimizar as condições de processamento e as propriedades finais. O trabalho também inclui uma caracterização completa das matérias-primas (papel usado e PP reciclado) e seus compósitos.