Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo tecnico-experimental de estruturas moleculares cristalinas: estudo cristalográfico dos polimorfos da 2-mercaptotiazolina

Processo: 06/55411-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2006
Vigência (Término): 31 de março de 2007
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Javier Alcides Ellena
Beneficiário:Rogerio Salloum
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Polimorfismo genético   Cristalografia   Difração por raios X   Métodos ab initio

Resumo

Para a realização dos estudos cristalográficos por difração de raios-X, optamos por um sistema simples, porém com uma estrutura molecular e cristalina muito importante. Assim, foi escolhido o composto 2-Mercaptotiazolina, por ser um ligante simples, muito versátil e pouco estudado (Flakus, Miros & Jones, 2002). Este composto apresenta interações intermoleculares do tipo ligações de hidrogênio N-H...S, que levam à formação de dímeros cíclicos. Mesmo sendo simples, este composto pode se apresentar em diferentes formas cristalinas (conformação plana ou distorcida), algumas das quais foram muito pouco estudadas (Raper, Oughtred & Nowell, 1983). Para possibilitar um estudo mais detalhado, foram feitos cálculos ab initio com o pacote de programas Gaussian 2003. A partir desses cálculos, foram obtidas geometrias otimizadas, energias de estabilização e propriedades vibracionais da molécula para as duas conformações. Com esses resultados, poderemos comparar a estabilidade das conformações e o que leva a uma ou à outra, assim como analisar a distribuição de carga. Os espectros vibracionais de IR e Raman calculados serão comparados com aqueles obtidos pelo experimento. Finalmente, serão realizados estudos da distribuição da densidade eletrônica calculada teoricamente. (AU)