Busca avançada
Ano de início
Entree

Analise do gradiente de tensoes do disco intervertebral l4-l5 utilizando fotoelasticidade de transmissao plana

Processo: 08/53748-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Pesquisador responsável:Antônio Carlos Shimano
Beneficiário:Ezer Temoteo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Fotoelasticidade   Disco intervertebral

Resumo

A coluna vertebral é exposta a solicitações de forças, que resultam em mudanças que acarretam a processos crônicos degenerativos nos discos intervertebrais, sendo a diminuição de sua elasticidade o início desta desordem. O disco intervertebral é extremamente complexo em sua anatomia, fisiologia e propriedades mecânicas. Esse suporta e distribui as cargas na coluna vertebral, restringe o excesso de movimento que ocorre no segmento vertebral, desempenhando assim, a função de coxim pneumático. A análise das tensões envolvidas no disco intervertebral pode ser realizada peta técnica da fotoelasticidade. Com essa técnica experimental podemos analisar e determinar as tensões internas de materiais. Portanto, o objetivo deste trabalho será analisar e comparar qualitativamente as tensões internas envolvidas no disco intervertebral lombar entre L4 e L5, submetidos a esforços de compressão através da técnica de fotoelasticidade de transmissão plana. Serão utilizadas como modelo corpos vertebrais confeccionadas em poliuretana L4-L5. Para as análises fotoelásticas serão confeccionados modelos fotoelásticos do disco intervertebral divididos em três grupos experimentais de acordo com a região da unidade vertebral analisada, sendo esses: Grupo 1 - região média do corpo vertebral; Grupo 2 - região intermédia do corpo vertebral e Grupo 3 - região lateral do corpo vertebral. A obtenção dos modelos será feita através de cortes sagitais da região central para a lateral do disco intervertebral entre L4 e L5. A análise fotoelástica do disco intervertebral será realizada através da análise qualitativa dos gradientes de tensões utilizando um polariscópio de transmissão. (AU)