Busca avançada
Ano de início
Entree

A arquitetura e o conforto térmico e ergonômico de edifícios altos residenciais, referentes ao período de 1930 e 1960, na cidade de são paulo

Processo: 08/04139-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2008
Vigência (Término): 30 de setembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Joana Carla Soares Gonçalves
Beneficiário:Eduardo Pimentel Pizarro
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Edifícios altos   Conforto térmico   Conforto ambiental

Resumo

A cidade de São Paulo vive uma situação de oposição: entre densidade construída e infra-estrutura urbana versus densidade populacional. Nesse contexto, enquanto o bairro do Centro, equipado da melhor infra-estrutura urbana instalada na cidade (com especial destaque para o transporte público) e de seus edifícios altos para fins residenciais e comerciais, vem sofrendo há décadas um processo de esvaziamento populacional, chegando atualmente a taxas alarmantes de vacância no estoque imobiliário, a periferia da cidade e bairros mais distantes do centro vêm vivendo o processo oposto, ou seja, de adensamento sem planejamento quanto ao desenho urbano e à instalação da infra-estrutura pública adequada para a vida urbana dessa população. Com o intuito de contribuir com iniciativas de revitalização e re-ocupação da área Central, em prol da melhoria da qualidade vida dos cidadãos de São Paulo e uma maior sustentabilidade urbana, a pesquisa intitulada: "A Arquitetura e o conforto térmico, ergonômico e energético de edifícios residenciais", terá como ponto de partida o estudo "A promoção privada de habitação econômica e a arquitetura moderna 1930-1964" organizado por Maria Ruth Amaral de Sampaio. A partir de exemplares de edifícios que compõem este estudo serão levantados e caracterizados os principais aspectos arquitetônicos desse grupo de edifícios altos residenciais, com vistas ao desempenho térmico e ergonômico das unidades habitacionais, visando o desenvolvimento futuro de avaliações de desempenho ambiental, que por sua vez, tem o potencial de apoiar tecnicamente projetos de reabilitação arquitetônica e tecnológica desses edifícios, para a re-ocupação da área central e seu entorno imediato, onde esses edifícios se localizam.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)