Busca avançada
Ano de início
Entree

Deteccao semi-automatica de alteracoes aplicada a atualizacao cadastral.

Processo: 03/11852-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2004
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Planejamento Urbano e Regional - Métodos e Técnicas do Planejamento Urbano e Regional
Pesquisador responsável:Amilton Amorim
Beneficiário:Guilherme Henrique Barros de Souza
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Banco de dados   Fotogrametria

Resumo

A utilização de cartas cadastrais é intensa, ou deveria ser, pelos diversos setores e secretarias que compõem a área de planejamento de uma Administração Municipal, uma vez que a partir delas pode-se retirar informações e planejar ações para múltiplas finalidades. A atualização dessas cartas deve ser periódica para que sempre se possa trabalhar com parâmetros atuais e condizentes com a realidade. Para tanto, necessita-se de metodologias que realmente permitam a atualização cadastral, dispensando a necessidade do recadastramento. Busca-se neste trabalho, integrar a metodologia de utilização de modelos estereoscópicos híbridos, desenvolvida com o objetivo de detectar alterações de feições nas fotografias aéreas de duas épocas diferentes, com a metodologia de gerenciamento de informações cadastrais a partir da estrutura de Banco de Dados Único em desenvolvimento (Proc. 01/13281-0). Essa integração de sistemas possibilitará a otimização do processo de atualização cadastral, reduzindo consideravelmente o tempo e o custo dos trabalhos, uma vez que apenas os imóveis identificados nas fotografias (com alteração em área construída) deverão ser medidos em campo. (AU)