Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das interações de sistemas SiC+Sm2O3/AIN e SiC+Sm2O3/AI2O3 em temperaturas elevadas visando detalhar e otimizar a sinterização de cerâmicas de SiC

Processo: 01/11339-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2002
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2004
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Sebastião Ribeiro
Beneficiário:Roseli Marins Balestra
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química de Lorena (FAENQUIL). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). Lorena , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais cerâmicos   Propriedades mecânicas   Carbeto de silício   Molhabilidade

Resumo

Para obter cerâmicas de SiC com boas propriedades há necessidade de sintetizá-las com fase líquida, pois esta técnica produz materiais com microestruturas controladas e conseqüentemente melhores propriedades mecânicas. Para fazer sinterização com fase líquida é necessária a utilização de aditivos que promovem a formação de um líquido durante o processo. Esse líquido deve oferecer boa molhabilidade da fase sólida. Os trabalhos sobre sinterização do SiC pouco tem contribuído para um perfeito entendimento das interações físico-químicas do SiC com os aditivos. É nesse sentido que propõe-se, neste trabalho, um estudo experimental detalhado e sistematizado dessas interações, nos sistemas: SiC+Sm2O3/AI2O3 e SiC+Sm2O3/AIN. Os parâmetros a serem estudados são: temperatura de fusão e perda de massa dos aditivos, molhabilidade, infiltração, viscosidade e interações químicas da fase líquida com o SiC, em função da composição dos aditivos e temperatura. Isso constitui a primeira etapa do projeto. Após avaliações técnicas e científicas dos resultados experimentais das interações (primeira etapa), serão planejadas sinterizações com o objetivo de melhorar o processamento cerâmico, e conseqüentemente as propriedades mecânicas (segunda etapa). Para isso será utilizada as técnicas de processamento cerâmico e caracterização convencionais. Os resultados dessa etapa, serão analisados em termos de densidade, fases presentes, microestrutura, tenacidade à fratura, resistência à flexão e dureza. (AU)

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TAGUCHI, S. P.; BALESTRA, R. M.; GARCIA, G. C. R.; RIBEIRO, S. Spontaneous infiltrations of compound systems of Y2O3, Sm2O3, RE2O3, Al2O3 and AIN in SiC ceramics. CERAMICS INTERNATIONAL, v. 36, n. 1, p. 9-14, JAN 2010. Citações Web of Science: 1.
LUZ‚ AP; RIBEIRO‚ S. Wetting behaviour of silicon nitride ceramics by Ti-Cu alloys. CERAMICS INTERNATIONAL, v. 34, n. 2, p. 305-309, 2008.
TAGUCHI‚ SP; RIBEIRO‚ S.; BALESTRA‚ RM. Infiltration of Al2 O3/Y2 O3 mix into SiC ceramic preforms. CERAMICS INTERNATIONAL, v. 34, n. 3, p. 625-629, 2008.
RIBEIRO‚ S.; TAGUCHI‚ SP; MOTTA‚ FV; BALESTRA‚ RM. The wettability of SiC ceramics by molten E2 O3 (ss)/AlN (E2 O3 (ss)= solid solution of rare earth oxides). CERAMICS INTERNATIONAL, v. 33, n. 4, p. 527-530, 2007.
MOTTA‚ FV; BALESTRA‚ RM; RIBEIRO‚ S.; TAGUCHI‚ SP. Wetting behaviour of SiC ceramics: Part I. E2O3/Al2O3 additive system. Materials Letters, v. 58, n. 22, p. 2805-2809, 2004.
TAGUCHI‚ SP; MOTTA‚ FV; BALESTRA‚ RM; RIBEIRO‚ S. Wetting behaviour of SiC ceramics: Part II—Y2O3/Al2O3 and Sm2O3/Al2O3. Materials Letters, v. 58, n. 22, p. 2810-2814, 2004.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.