Busca avançada
Ano de início
Entree


Estudos de relações entre variáveis socioeconômicas, de uso do solo, participação em atividades e padrões de viagens encadeadas urbanas

Texto completo
Autor(es):
Cira Souza Pitombo
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Carlos.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos (EESC/SBD)
Data de defesa:
Membros da banca:
Eiji Kawamoto; David José Ahouagi Vaz de Magalhães; Jose Alberto Quintanilha; Antonio Nelson Rodrigues da Silva; Orlando Strambi
Orientador: Eiji Kawamoto
Resumo

Um dos tópicos mais importantes na análise de demanda por transportes é a relação entre as necessidades individuais de realização de atividades geograficamente distribuídas, a estrutura urbana, as características individuais e domiciliares, o sistema de transporte e as diferenças no comportamento relacionado a viagens. Isto motivou o desenvolvimento desta pesquisa, que tem como objetivo principal analisar o comportamento individual subjacente ao encadeamento de viagens sob a perspectiva de três grupos de variáveis: (1) participação em atividades; (2) características socioeconômicas; e (3) uso do solo. Há dois objetivos secundários, fundamentais para se atingir a finalidade do trabalho: (a) propor um conjunto de variáveis de uso do solo; e (b) testar a significância do grupo de variáveis ora proposto. Este trabalho baseou-se nos dados da pesquisa origem-destino de 1997 da região metropolitana de São Paulo, sendo extraídas e analisadas seis amostras finais que foram caracterizadas por setor econômico (no caso de trabalhadores) e grau de instrução (no caso de estudantes). Com utilização conjunta de técnicas de análise multivariadas, confirmatórias e exploratórias, foi possível representar a variável dependente (Análise de Cluster), bem como encontrar relações entre variáveis envolvidas (Árvore de Decisão) e, finalmente, mensurar a significância estatística das variáveis independentes (Regressão Linear Múltipla). Através dos resultados obtidos, foi possível analisar a influência dos três grupos de variáveis na seqüência de viagens: (1) variáveis socioeconômicas (renda familiar, usa vale transporte, nº provável de carteiras de habilitação no domicílio, idade, nº de automóveis no domicílio) afetam principalmente a seqüência de modos de transporte utilizados durante as viagens; (2) participação em atividades (estuda, trabalha) interfere na seqüência de motivos de viagem; e, enfim, (3) variáveis de uso do solo (parcela acumulada de empregos ou escolas por faixas de distância a partir do centróide da zona de residência) influenciam a seqüência de destinos escolhidos. Espera-se que o presente trabalho constitua uma contribuição ao meio acadêmico, tanto em termos de representação da intensidade e distribuição geográfica das atividades no meio urbano (variáveis de uso do solo), quanto em relação à influência de tais variáveis nos deslocamentos dos indivíduos. (AU)

Processo FAPESP: 03/08858-2 - Estudo de relacoes entre variaveis socioeconomicas, geograficas e do sistema de transportes e padroes de viagens encadeadas urbanas.
Beneficiário:Cira Souza Pitombo
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado