Busca avançada
Ano de início
Entree


Interação nucleon-nucleon devida à troca de três píons e produção de um píon devida à troca de dois píons

Texto completo
Autor(es):
Joel César Pupin
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Paulo. 156 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista. Instituto de Física Teórica.
Data de defesa:
Membros da banca:
José de Sá Borges Filho; Manuel M. B. Malheiro de Oliveira; Lauro Tomio; Alfredo Pio Noronha Rodrigues Galeão
Orientador: Manoel Roberto Robilotta
Resumo

Utilizando a simetria quiral, calculamos a contribuição dominante ao potencial nucleon-nucleon (NN) devido à troca de três píons não correlacionados. Esta contribuição é isovetorial com as componentes pseudoescalar e axial. A pseudoescalar é dominante, tem um alcance de 1.0 fm e contribui no canal de píon. No mesmo contexto, estudamos a produção de um píon na interação nucleon-nucleon devida à troca de dois píons. O termo dominante do Kernel da produção é construído a partir da mesma interação básica usada no potencial NN devido à troca de três píons. Relacionamos este termo à componente central do potencial NN devido à troca de dois píons e mostramos que esta, por sua vez, é dominada pelo fator de forma escalar píon-nucleon. O Kernel obtido foi aplicado para o limiar da produção e na construção de um potencial de três nucleons. Os resultados foram generalizados para um potencial NN central qualquer e comparados ao potencial de Argonne e àquele devido à troca de um méson escalar ...ctício (AU)

Processo FAPESP: 94/03469-7 - O termo sigma no espalhamento pion-nucleon e o potencial nucleon-nucleon
Beneficiário:Joel Cesar Pupin
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado