Busca avançada
Ano de início
Entree

Ricardo Tostes Gazzinelli

CV Lattes ORCID


Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Estados Unidos

Ricardo Gazzinelli é professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), pesquisador Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e pesquisador 1A do CNPq. É professor visitante da Universidade de Massachusetts (UMASS) e da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP. Fez contribuições importantes na área de imunologia das doenças parasitárias. É coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Vacinas/MCT, e tem contribuído para o desenvolvimento de vacinas contra as doenças negligenciadas, mais precisamente a leishmaniose, doença de Chagas, malária e mais recentemente COVID19. É membro da Academia Brasileira de Ciências, da The World Academy of Sciences (TWAS), da Sociedade Brasileira de Imunologia (SBI) e da American Association of Microbiology (ASM). Recebeu as seguintes distinções: Biotechnology Fellowship from Rockfeller Foundation (1995-1998); Prêmio FUNDEP, área ciências biomédicas (2002); fellowship da John Simon Guggenheim Memorial Foundation (2004); prêmio CAPES/ELSEVIER, área Bioquímica (2007); prêmio Marcos Mares-Guia da FAPEMIG/SESTEC (2009); Comendador (2007) e Grã-Cruz (2010) da Ordem de Mérito Científico; Orientador - Grande Prêmio de Teses CAPES Ciências da Vida (2012), prêmio tese nas áreas Bioquímica (2012) e Medicina (2011 e 2017); Cátedra CAPES/Harvard (2013-2014); Prêmio Confap Ciência, Tecnologia e Inovação, Categoria Ciências da Vida (2021), e Grande Medalha da Inconfiência (2022). Recebeu o Prêmio de Ciências Medicas (2009) da TWAS por estudos pioneiros sobre os mecanismos celulares e moleculares pelos quais os receptores da imunidade inata promovem a resistência e patogênese nas infecções com protozoários. Na área de desenvolvimento de vacinas, recebeu os prêmios Banco Santander-Universidade/Biotecnologia (2013) pela prova de conceito do uso de uma cepa do Trypanosoma cruzi atenuada como vetor de uma vacina contra melanoma; Péter Murányi/Saúde (2014) pelo desenvolvimento da LeishTec, uma vacina recombinante contra a leishmaniose visceral canina que é destribuida comercialmente; e Bunge/Ciências Biologicas, Ecologia e Saúde (2021) por suas contribuições na prevenção de doenças infecciosas. É co-fundador do Centro de Tecnologia de Vacinas (UFMG-Fiocruz) e Detechta Biotecnologia, S.A. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Una carrera de obstáculos 
Corrida de obstáculos 
Matéria(s) publicada(s) no Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Startups apoiadas pelo PIPE-FAPESP desenvolvem vacinas contra a COVID-19 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 17/09/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: