Busca avançada
Ano de início
Entree

Programa de gerenciamento da RTI da FAMERP ao Laboratório Multiusuário

Processo: 18/24657-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Reserva Técnica para Infra-estrutura Institucional de Pesquisa
Vigência: 01 de março de 2019 - 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Alessandra Vidotto
Beneficiário:Alessandra Vidotto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Reserva técnica  Estudo multidisciplinar 

Resumo

Na Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto - FAMERP são desenvolvidos vários projetos relacionados às linhas de pesquisa que fazem parte dos Programas de Pós-Graduação da Instituição e que pertencem às diversas áreas, nos Departamentos da FAMERP. Nossa infraestrutura de pesquisa está sediada no Bloco U-6, construído com auxílio financeiro obtido junto à FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos). Em uma área de 2.310 m² do primeiro pavimento estão instalados e em pleno funcionamento os Laboratórios de Pesquisa, incluindo o Laboratório Multiusuário (LMU). O LMU da FAMERP compreende a infraestrutura e equipamentos destinados às atividades de pesquisa e à produção de conhecimentos e tecnologias que atendem às necessidades da comunidade científica da Instituição. Esse Centro de Pesquisa é denominado Laboratório Multiusuário, pois está aberto à comunidade de pesquisadores que desenvolvam pesquisas em diversas áreas do conhecimento, como Biologia Celular e Molecular, Bioquímica, Genética, Virologia, Microbiologia, Histologia, Patologia, Área Clínica, entre outras. Os equipamentos que o LMU dispõe foram concedidos por agências de fomento à pesquisa a docentes da FAMERP, junto à Diretoria Adjunta de Pesquisa, que exerceram na época a função de Coordenadores de Projetos Multiusuários. Desde o ano de 2014, o LMU da FAMERP faz a aquisição equipamentos utilizando verbas provenientes da RTI da FAPESP e de outras agências de fomento, sob a responsabilidade da Coordenadora do Laboratório Multiusuário. Atualmente, o LMU reúne equipamentos de relevância científica para o desenvolvimento de Pesquisa de qualidade no país, como equipamento que realiza HPLC, Luminômetro ou MagPix, Citômetro de Fluxo, qRT PCR, Microscópio de Fluorescência, Micrótomo, Sistema de Purificação de água, Sistema de Captação de Imagens, Freezer -80ºC, entre outros. É conveniente ressaltar que a expansão nas atividades de ensino, pesquisa e extensão da FAMERP são possíveis somente com a obtenção de financiamentos concedidos para aquisição de equipamentos de laboratórios e adequação da sua infraestrutura. Para esta proposta, foi identificada a necessidade de obtenção de Material de Consumo e Serviço de Terceiros, com o objetivo de continuar investindo nos equipamentos que o LMU já possui. Assim, a FAMERP optou por aplicar a verba referente à Reserva Técnica Institucional da FAPESP de 2018 (ano de base 2017) para a aquisição de Serviços de Terceiros (para Manutenção de Equipamentos que necessitam de assistência anual ou semestral) e de Material de Consumo para manter os equipamentos funcionando por um período de um ano. Dessa forma, a proposta intitulada "Programa de Gerenciamento da RTI da FAMERP ao Laboratório Multiusuário" tem o objetivo de continuar tornando o LMU mais acessível a toda comunidade científica da Instituição, assim como o Hospital de Base e outros Centros de Pesquisa, fazendo com que a FAMERP torne-se referência em Pesquisa e Pós-Graduação, resultando em maior interação acadêmica e de extensão de serviços à comunidade. (AU)