Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do processo de nitretação iônica a plasma no comportamento em corrosão e microdesgaste abrasivo dos aços inox austenítico AISI 316L e Super-Ferrítico AISI 470

Processo: 19/03956-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de maio de 2019 - 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Metalurgia de Transformação
Pesquisador responsável:Luciana Sgarbi Rossino
Beneficiário:Luciana Sgarbi Rossino
Instituição-sede: Faculdade de Tecnologia de Sorocaba (FATEC Sorocaba). Centro Paula Souza (CEETEPS). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). Sorocaba , SP, Brasil
Assunto(s):Corrosão 

Resumo

O objetivo deste trabalho foi estudar a influencia do tratamento termoquímico de nitretação iônica a plasma na resistência ao microdesgaste abrasivo e corrosão dos aços inox AISI 316L e AISI 470. O tratamento termoquímico foi realizado em diferentes tempos e temperaturas com mistura gasosa de 25% H2 e 75% N2. Os materiais tratados foram caracterizado por microscopia óptica, microscopia eletrônica de varredura, difração de raio-X, ensaio de microdureda, ensaio de microdesgaste abrasivo e ensaio de corrosão. Os resultados mostram um aumento na espessura da camada formada e na resistência ao desgaste do material com o aumento do tempo de tratamento. Temperaturas de tratamento superior a 450oC favorecem a formação de nitreto de cromo que, por ser muito duro, torna a camada formada quebradiça, diminuindo a resistência ao desgaste do material. Além disso, a formação destas fases diminuem substancialmente a resistência á corrosão do aço inox. (AU)