Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de um processo de deposição de um material compósito de Al/NTC/TiO2 em substrato de liga de Al utilizando técnicas de fusão seletiva a laser

Processo: 18/13708-5
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2019 - 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica
Pesquisador responsável:Dilermando Nagle Travessa
Beneficiário:Dilermando Nagle Travessa
Instituição Sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Aline Capella de Oliveira ; Rudimar Riva
Assunto(s):Materiais compósitos de matriz metálica  Nanotubos de carbono  Dióxido de titânio  Fusão seletiva a laser  Processo sol-gel  Caracterização microestrutural 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Caracterização microestrutural | Compósitos Al | Fusão seletiva a laser | Ntc | Processo sol-gel | Recobrimento de NTC | TiO2 | Materiais compósitos de matriz metálica

Resumo

A presente proposta de Projeto de Pesquisa Regular, com duração de dois anos, visa a obtenção de uma camada de compósito de matriz de alumínio reforçado pela adição de até 2% em peso de nanotubos de carbono (NTC), sobre chapas de ligas de alumínio comercial. Uma mistura de pó de alumínio e de NTC será utilizada para a formação desta camada, cujo objetivo é promover um efeito reforçador localizado no substrato. Os NTC serão previamente recobertos por nanopartículas de TiO2 pela técnica de sol-gel, a fim de desenvolver uma proteção para a sua integridade durante o processamento térmico. O processo de fusão seletiva a laser (SLM) será utilizado na construção desta camada, cuja espessura pode ser controlada através da deposição de camada sobre camada. Com o aumento da espessura, poderá também ser avaliado o potencial deste material para a confecção de peças utilizando o conceito da manufatura aditiva. O processo de SLM tem como principais vantagens um preciso controle do aporte térmico, além de possibilitar o processamento de amostras pequenas e com grande economia de material e tempo. Além da função de proteção, espera-se que a camada de TiO2 depositada sobre os NTC proporcione uma melhor dispersão e interação destes com o pó de alumínio, antes do processamento do compósito, resultando em depósitos homogêneos e bem aderidos ao substrato. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)