Busca avançada
Ano de início
Entree

Inovações com foco na percepção de valor de usuários para subsidiar o processo de upgrading de habitação social por meio de Trans-Atlantic Living Labs

Processo: 19/02240-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2020 - 31 de dezembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Convênio/Acordo: Trans-Atlantic Platform for the Social Sciences and Humanities
Pesquisador responsável:Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski
Beneficiário:Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski
Pesq. responsável no exterior: Patricia Tzortzopoulos Fazenda
Instituição no exterior: University of Huddersfield, Inglaterra
Pesq. responsável no exterior: Clarine Joanne van Oel
Instituição no exterior: Delft University of Technology (TU Delft), Holanda
Pesq. responsável no exterior: Sigrun Kabisch
Instituição no exterior: Helmholtz Association, Alemanha
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo (FEC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:Ariovaldo Denis Granja ; Arno Freeke ; Daniel de Carvalho Moreira ; Jelle Simon Jowan Koolwijk ; Michail Kagioglou ; Regina Coeli Ruschel ; Vanessa Gomes da Silva
Bolsa(s) vinculada(s):20/01616-9 - Levantamento bibliográfico específico e definição de estudo de caso para desenvolvimento de Living Labs de upgrading de habitação social, BP.TT
Assunto(s):Habitação social 

Resumo

As discussões sobre intervenções que visem à melhoria de empreendimentos existentes (upgrading) de conjuntos habitacionais sociais (CHS) têm recebido menos atenção quando comparadas à construção de novos CHS. As estratégias de upgrading podem ter resultados positivos nas dimensões sociais e de saúde, além de prover a segurança financeira para as populações de baixa renda. O upgrading do estoque existente de habitação social (HS) oferece uma oportunidade de mitigar custos sociais, ao mesmo tempo em que pode promover a sustentabilidade e a redução do déficit habitacional. No entanto, este processo ocasiona impactos e riscos para as diferentes partes interessadas (PIs). Desta forma, as iniciativas de upgrading precisam estar alinhadas às diferentes expectativas das PIs. Esta pesquisa adota o conceito de Living Labs (LLs) como inovação social para promover a colaboração e o alinhamento das percepções das PIs em empreendimentos de HS, além de criar e validar soluções de procedimentos para programas de upgrading. Nesta pesquisa, as PIs são representadas por usuários, construtoras, agências e cooperativas de habitação, profissionais de projeto, imobiliárias, agências governamentais, políticos, acadêmicos e ONGs. Os valores na ótica dos usuários são particularmente importantes para atender questões sociais e ambientais, por meio do processo de upgrading. No entanto, existem incompatibilidades de percepção entre as PIs sobre os objetivos do processo de upgrading, que devem ser superadas para almejar benefícios coletivos. Para este fim, o conceito de boundary objects (BOs) é adotado para promover os alinhamentos necessários de percepção, usando ferramentas com ênfase na visualização de problemas para apoiar a tomada de decisões nos processos de briefing para o bem comum. Ferramentas como jogos, Realidade Aumentada (AR) e Virtual (VR), desenhos, vídeos, bem como a plataforma de Modelagem da Informação da Construção (BIM), serão testadas em relação à geração de ideias e à eficiência no processo de tomada de decisões. Uma rede entre instituições de pesquisa do Brasil (BR), Alemanha (DE), Holanda (NL) e Reino Unido (UK) conduzirá as experiências nos respectivos LLs. Cada uma destas unidades de análise possui contextos específicos que podem, no conjunto, proporcionar uma compreensão mais abrangente sobre o processo de upgrading em HS. Este contexto multicultural que caracteriza os LLs traz consigo barreiras de assimilação. No entanto, também há benefícios advindos da introdução de novos modelos mentais provenientes desta diversidade cultural. Para este fim, ferramentas e procedimentos serão utilizados para aumentar os níveis de colaboração e estimular resultados que agreguem valor. Estudos de caso serão realizados de modo a contemplar os contextos específicos em cada país, bem como a exploração de sinergias provenientes destas diferentes situações contextuais. Os resultados almejados incluem o desenvolvimento de protocolos de alinhamento e promoção de colaboração entre as PIs e ferramentas destinadas à melhoria da comunicação em programas de upgrading de HS com alcance universal. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Treinamento técnico em arquitetura e urbanismo na Unicamp