Busca avançada
Ano de início
Entree

Partículas de sílica decoradas com complexos luminescentes para aplicação em sensoriamento e imageamento celular

Resumo

O sensoriamento e imagem de células por luminescência é uma importante ferramenta para a identificação e quantificação de muitas doenças. Os biomarcadores à base de complexos de metais de transição interna ou externa se destacam sobre outros biomarcadores moleculares, pois apresentam grande deslocamento pseudo-Stokes e longos tempos de vida de emissão, diminuindo efeitos de autofluorescência do meio biológico. A presença de um carreador inerte acrescenta mais vantagens ao sistema, pois aumenta a "solubilidade" e a estabilidade e diminui a toxicidade do sistema. Partículas de sílica são uma excelente escolha, pois tornam os materiais biocompatíveis, devido à possibilidade de funcionalização de suas superfícies. No entanto, para que os materiais sejam considerados satisfatórios é necessário que algumas de suas propriedades sejam otimizadas, tais como intensidade e tempo de vida de emissão. Nesse sentido, a combinação de partículas metálicas e íons lantanídeos (Ln3+) em uma mesma arquitetura é uma estratégia interessante para se obter marcadores com propriedades luminescentes intensificadas devido ao efeito de ressonância plasmônica de superfície, SPR (do inglês, Surface Plasmon Resonance) que influencia diretamente nas transições intraconfiguracionais destes íons, tendo efeito na intensidade de emissão, eficiência quântica e taxas não-radiativas e radiativas. O efeito SPR é tanto maior quanto mais próximo da partícula metálica, no entanto, o contato direto com o metal suprime a luminescência. Desta forma, a combinação dos centros luminescentes com a nanopartícula metálica será possível a partir da formação de sistemas do tipo casca-caroço, recobrindo as partículas com camada de sílica seguido da funcionalização de superfície para ancoragem dos complexos luminescentes. Assim, este projeto objetiva a síntese, caracterização e estudo das propriedades fotofísicas de partículas de sílica densa ou metálicas recobertas de sílica com superfície decorada com complexos de lantanídeos ou irídio, bem como testes destes materiais em sensoriamento/imageamento celular em microscopia confocal e microscopia de fluorescência. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANTOS, JOAO A. O.; MUTTI, ALESSANDRA M. G.; BISPO-JR, AIRTON G.; PIRES, ANA M.; LIMA, SERGIO A. M. Red-Emitting Hybrid Based on Eu3+-dbm Complex Anchored on Silica Nanoparticles Surface by Carboxylic Acid for Biomarker Application. MATERIALS, v. 13, n. 23 DEC 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.