Busca avançada
Ano de início
Entree

Autoformação através do uso das TICs em educação matemática: contribuições do professor Michael David De Villiers

Resumo

A visita do Professor De Villiers visa, de maneira prioritária, contribuir decisivamente com o projeto "Autoformação através do uso das Tecnologias de Informação e Comunicação em Educação Matemática", iniciado em 2008 no âmbito do Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Este projeto, sob responsabilidade do Grupo de Pesquisas TecDEM, obteve importante repercussão internacional graças ao incentivo obtido através do financiamento concedido pela FAPESP para sua apresentação em um dos mais relevantes congressos mundiais sobre tecnologias em Educação Matemática, o ICTMT 9 (Universidade de Metz, França, julho de 2009), o que ocorreu através do processo 2009/06044-4. Além disso, importantes produções relativas ao projeto obtiveram três inserções em eventos de relevo realizados no Brasil e uma publicação aceita para 2010 em periódico internacional avaliado com Qualis A2. Em sua última fase, o projeto pretende fornecer subsídios para a compreensão das interfaces existentes entre o uso de tecnologias de informação e comunicação na Educação Matemática e as distintas áreas de conhecimento/investigação presentes no cotidiano escolar, tanto do ponto de vista dos alunos quanto dos professores. São estas áreas, prioritariamente, a Geometria, o Cálculo, a Álgebra, a Estatística, e subsidiariamente a História da Matemática e a Formação de Professores que Ensinam Matemática. A organização e a busca de uma síntese construtiva que permita viabilizar esta derradeira fase é de fundamental importância. Deste ponto de vista, o assessoramento do Professor de Villiers permitirá, graças a sua ampla experiência nas áreas envolvidas e em projetos de pesquisa desta natureza, criar condições para a determinação dos procedimentos metodológicos mais adequados, o mapeamento dos objetivos mais relevantes, os diálogos necessários com outros pesquisadores das áreas específicas mencionadas, a seleção dos sujeitos para a nova fase, a relação dos resultados já obtidos e as finalidades almejadas na abordagem atual, entre outras possibilidades. Assim, além de reuniões com os pesquisadores e alunos do grupo TecDEM, o visitante poderá indicar os elementos de articulação do projeto atual, ao qual a visita está vinculada, com o Ensino de Matemática com Tecnologias, em suas múltiplas vertentes, permitindo maior clareza e, assim se espera, êxito nos resultados relativos à proposta de processos de ensino-aprendizagem correspondentes. Outra importante contribuição esperada no âmbito do projeto virá da ampla vivência do pesquisador convidado na manipulação de softwares e produtos correlatos na Educação Matemática. Desta forma, será possível discutir quais elementos poderão ser utilizados nesta fase da investigação e que estudos subsidiários podem contribuir para desvelar dificuldades e potencialidades de professores e alunos no uso de sistemas computacionais, o que poderá ser feito no âmbito de dissertações de mestrado e/ou teses de doutoramento ligadas ao projeto. (AU)