Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização das células T folllicular-helper no sangue periférico de pacientes com lúpus eritematoso sistêmico e doença de Behçet

Processo: 11/02119-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 03 de junho de 2011 - 17 de junho de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Eloisa Silva Dutra de Oliveira Bonfá
Beneficiário:Eloisa Silva Dutra de Oliveira Bonfá
Pesquisador visitante: Jinyoung Choi
Inst. do pesquisador visitante: Yale School of Medicine (YSM), Estados Unidos
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Reumatologia  Linfócitos T  Lúpus eritematoso sistêmico  Síndrome de Behçet  Intercâmbio de pesquisadores 

Resumo

Introdução: A formação de células T foliculares (TF) em humanos e o seu papel na produção de autoimunidade ainda encontram-se pouco estudados. Na Yale University, foi demonstrado em modelos murinos de lúpus eritematoso sistêmico (LES) que a sinalização via ICOS é necessária para o desenvolvimento deste subtipo de células T (TF), bem como para a completa penetrância do fenótipo de lúpus, achados posteriormente reproduzidos por outros grupos. O bloqueio do ICOS, atualmente alvo experimental para o tratamento do lúpus, aumenta a necessidade do melhor entendimento da função destas células na patogênese do lúpus e como potencial alvo para novas terapias. Objetivos: 1) Caracterizar células T foliculares no sangue periférico de pacientes com LES e doença de Behçet comparados com controles saudáveis. Correlacionar a expressão destas moléculas de superfície celular com atividade de doença e resposta terapêutica. 2) Estabelecer cooperação científica entre as Disciplinas de Reumatologia das Universidades de São Paulo e Yale e também Disciplina de Imunologia da FMUSP. Métodos: Serão avaliados 100 pacientes com LES, 50 com Behçet e 30 controles normais através de anamnese e coleta de 15 mL de sangue periférico para a caracterização das populações de linfócitos através da citometria de fluxo. Esclarecemos que o estudo envolve apenas pacientes brasileiros e que não haverá envio de nenhum tipo de material biológico para o estrangeiro. Duas pesquisadoras da Yale University virão ao Brasil para a realização dos testes de citometria. A marcação das células será feita utilizando diferentes anticorpos monoclonais, que serão doados pelo grupo da Yale University para a FMUSP e chegarão ao Brasil mediante processo oficial de importação sob doação. Será utilizado o citômetro de fluxo (FACSFortessa de 13 cores) do LIM-60 (Disciplina de Imunologia Clínica e Alergia), com a colaboração e anuência do Prof. Dr. Esper G. Kallas (coordenador responsável pelo grupo de pesquisa do LIM-60) e do Prof. Dr. Jorge Kalil (Prof. Titular desta Disciplina). O estudo não tem patrocinador. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CHOI, JIN-YOUNG; HO, JOHN HSI-EN; PASOTO, SANDRA G.; BUNIN, VIVIANE; KIM, SANG TAEK; CARRASCO, SOLANGE; BORBA, EDUARDO F.; GONCALVES, CELIO R.; COSTA, PRISCILA R.; KALLAS, ESPER G.; BONFA, ELOISA; CRAFT, JOSEPH. Circulating Follicular Helper-Like T Cells in Systemic Lupus Erythematosus. ARTHRITIS & RHEUMATOLOGY, v. 67, n. 4, p. 988-999, APR 2015. Citações Web of Science: 93.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.