Busca avançada
Ano de início
Entree

Consequences of manipulation of the key enzyme of carbon dioxide assimilation

Processo: 13/50329-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2013 - 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Convênio/Acordo: Ohio State University
Pesquisador responsável:Helaine Carrer
Beneficiário:Helaine Carrer
Pesq. responsável no exterior: Fred Robert Tabita
Instituição no exterior: Ohio State University, Columbus, Estados Unidos
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/52066-7 - Functional genomics of photosynthetic genes in sugarcane, AP.BIOEN.TEM
Assunto(s):Bioquímica vegetal  Dióxido de carbono  Oxigênio  Enzimas 

Resumo

A produtividade das plantas e a remoção da atmosfera do CO2 são dependentes da atividade catatítica de uma única proteína que é a mais abundante na Terra, RubisCO. Infelizmente, esta proteína é negativamente influenciada pelo oxigênio molecular, limitando a produtividade de muitas plantas. O objetivo principal deste projeto é produzir plantas modelo em que a enzima chave de assimilação do dióxido de carbono, RubisCO, seja modificada tal que a sensibilidade da enzima ao exigenio seja reduzido. Esta proposta contempla também a determinação das consequências fisiológicas das alterações desta enzima específica. Esta proposta utiliza o conhecimento dos pesquisadores brasileiros da USP-ESALQ e USP-São Paulo em manipular os genes de plantas bem como também analisar os efeitos fisiológicos nas plantas modificadas. Pesquisadores da OSU, com vasta e documentada experiência em bioquímica da RubisCO, descobriram regiões conservadas na RubisCO e podem influenciar a sensibilidade ao oxigênio na enzima de plantas e consequentemente aumentar a produtividade das plantas. Assim, este projeto fortalece interações sinergísticas dos pesquisadores da USP e OSU em juntar seus conhecimentos para entender um problema fundamental que não seria possível individualmente. Discussões preliminares sobre esta pesquisa ocorreram durante o Workshop Tripartite (OSU, USP, Rutgers) em Biotecnologia realizado em Columbus, maio, 2012 e se mantiveram até a presente proposta entre Tabita, Carrer and Buckeridge. (AU)