Busca avançada
Ano de início
Entree

The gastroprotective effect of menthol: involvement of anti-apoptotic, antioxidant and anti-inflammatory activities

Processo: 13/26981-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de março de 2014 - 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Etnofarmacologia
Pesquisador responsável:Claudia Helena Pellizzon
Beneficiário:Claudia Helena Pellizzon
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Produtos naturais 

Resumo

O objetivo deste trabalho foi investigar a atividade anti-apoptótica, antioxidante e anti-inflamatória do mentol em úlceras gástricas induzidas por etanol absoluto.Ratos machos Wistar foram tratados oralmente com veículo (Tween 80 a 8%), carbenoxolona (100 mg/kg) ou mentol (50 mg/kg) e depois tratados com etanol para a indução das úlceras. Após eutanásia, amostras dos estômagos foram preparadas para análises histológicas e bioquímicas. Foram desenvolvidas análises imunohistoquímicas para HSP-70 e Bax. A atividade da enzima mieloperoxidase (MPO) foi medida. Os niveis de glutationa (GSH) e a atividade da glutationa peroxidase (GSH-Px), glutationa redutase (GR) e superoxido dismutase (SOD) foram medidoa para avaliar a atividade antioxidante.Os niveis das citocinas fator de necrose tumoral (TNF-alpha),interleucinas 6 e 10 (IL-6 e IL-10) foram avaliados por ELISA.O grupo tratado com mentol apresentou gastroproteção de 92%. A área marcada para HSP-70 foi maior e a área marcada para Bax foi menor no grupo mentol.O tratamento com mentol induziu queda na atividade de MPO e SOD,e os niveis de GSH, GR e GSH-Px foram elevados. Houve queda nos niveis de TNF-alpha e IL-6 e aumento no nível de IL-10. Em conclusão, o tratamento oral com mentol apresentou atividade gastroprotetora através de mecanismo antioxidante, anti-apoptótico e anti-inflamatório sobre a mucosa gástrica. (AU)