Busca avançada
Ano de início
Entree

AgroComputing.net: infraestrutura digital e novos métodos computacionais para análise e mineração de grandes bases de dados climáticos e de sensoriamento remoto para aperfeiçoar o monitoramento e previsão agrícola

Processo: 14/08293-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa eScience e Data Science - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2015 - 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Luciana Alvim Santos Romani
Beneficiário:Luciana Alvim Santos Romani
Instituição-sede: Embrapa Informática Agropecuária. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil). Campinas, SP, Brasil
Pesq. associados:Agma Juci Machado Traina ; Alan Massaru Nakai ; Alexandre Noma ; Aryeverton Fortes de Oliveira ; Caetano Traina Junior ; Chou Sin Chan ; Eduardo Delgado Assad ; Elaine Parros Machado de Sousa ; Giampaolo Queiroz Pellegrino ; Glauber José Vaz ; Humberto Luiz Razente ; Jayme Garcia Arnal Barbedo ; José Eduardo Boffino de Almeida Monteiro ; Jurandir Zullo Junior ; Marcela Xavier Ribeiro ; Maria Camila Nardini Barioni ; Priscila Pereira Coltri ; Renata Ribeiro Do Valle Gonçalves ; Robson Leonardo Ferreira Cordeiro ; Silvio Roberto Medeiros Evangelista
Assunto(s):Classificação climática  Mudança climática  Agrometeorologia  Mineração de dados  Bases de dados  Agrupamento de dados 

Resumo

O objetivo deste projeto é desenvolver uma plataforma computacional capaz de integrar dados climáticos e de sensores remotos provenientes de diferentes bases de dados; e propor métodos computacionais para consistir os dados, preencher falhas, identificar padrões novos e relevantes que possam auxiliar no aperfeiçoamento de modelos de monitoramento e previsão de safras agrícolas. O desafio para a Ciência da Computação compreende desde o desenvolvimento de algoritmos de complexidade linear para processar, armazenar, minerar e analisar o grande volume de dados até a proposição de um mecanismo que dê autonomia aos agrometeorologistas para acesso aos dados com consultas parametrizáveis, prospecção de experimentos, reformulação e integração de modelos agrometeorológicos. Por outro lado, o avanço científico em Agrometeorologia depende em grande parte de um conjunto de dados climáticos completo, consistido e com boa densidade para todo o país a fim de aprimorar modelos que podem melhor subsidiar decisões no setor agrícola. Diante dos cenários de mudanças climáticas, esta integração entre cientistas da computação e agrometeorologistas torna-se fundamental, especialmente devido ao aumento de dados provenientes de simulações de modelos climáticos, de estações meteorológicas e de sensores remotos. Nesse contexto, o aperfeiçoamento de métodos computacionais para análise, mineração de dados, reconhecimento de padrões e visualização associados às técnicas de workflow científico permitem o aprimoramento dos modelos para análise numa perspectiva agroclimática atual e futura. Com o objetivo de contribuir nas pesquisas em Mudanças Climáticas e seu impacto em Agricultura, pesquisadores de instituições como Embrapa Informática Agropecuária, ICMC-USP, Cepagri/Unicamp, CPTEC/INPE, UFSCar, UFABC e UFU têm trabalhado conjuntamente há vários anos com importantes contribuições tanto em Computação quanto em Agrometeorologia. A validação das técnicas propostas será realizada com culturas de importância econômica: cana-de-açúcar e café. Workshops e um ambiente virtual serão usados como meio de facilitar a colaboração dos pesquisadores no projeto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
FAPESP lança novo edital para apoio a pesquisa multidisciplinar em eScience 
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.