Busca avançada
Ano de início
Entree

Onivoria em aves é um escoadouro macroevolutivo

Processo: 16/01096-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de março de 2016 - 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Pesquisador responsável:Tiago Bosisio Quental
Beneficiário:Tiago Bosisio Quental
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/04072-3 - O papel das taxas de extinção e especiação e o efeito dos diferentes níveis de organização biológica na origem e manutenção da biodiversidade, AP.JP
Assunto(s):Biodiversidade  Ecologia evolutiva 

Resumo

Supõe-se comumente que a dieta afete a evolução de espécies, mas poucos estudos testaram diretamente seu efeito em uma escala macroevolutiva. Neste trabalho usamos modelos Bayesianos de diversificação dependente de traços e um abrangente banco de dados de dieta de todas as espécies de aves do mundo para avaliar a dinâmica de especiação e extinção de guildas de dietas de aves (carnívoros, frugívoros, granívoros, herbívoros, insetívoros, nectarívoros, onívoros e piscívoros). Nossos resultados sugerem que onivoria é associada a maiores taxas de extinção e menores taxas de especiação do que outras guildas, e que a diversificação líquida resultante é negativa. Os modelos dependentes de traços, análises de similaridade de dieta e análises de rede mostraram que transições para onivoria ocorrem em maiores taxas do que para qualquer outra guilda. Sugerimos que onivoria atua como um "escoadouro macroevolutivo" onde sua natureza efêmera é recuperada através de transições de outras guildas em vez da especiação de onívoros. Nós propomos que essa dinâmica resulta da competição intra- e inter-guildas de dieta, influenciada pela disponibilidade e previsibilidade de recursos alimentares em escalas de tempo longas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BURIN, GUSTAVO; KISSLING, W. DANIEL; GUIMARAES, JR., PAULO R.; SEKERCIOGLU, CAGAN H.; QUENTAL, TIAGO B. Omnivory in birds is a macroevolutionary sink. NATURE COMMUNICATIONS, v. 7, APR 2016. Citações Web of Science: 24.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.