Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da afinidade das Proteíncas MIC1 e MIC4 da Toxaplasma Gondii com Carboidratos Utilizando Técnicas Eletroquímicas e Eletrogravimétricas.

Processo: 09/11520-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Paulo Roberto Bueno
Beneficiário:Adriano dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/60642-2 - Efeitos biológicos e aplicações farmacêuticas de lectinas, AP.TEM
Assunto(s):Técnicas biossensoriais   Eletroquímica

Resumo

Toxoplasma gondii é um protozoário capaz de invadir uma vasta gama de células de animais homeotermos, como o homem. Este parasita é responsável por inúmeras enfermidades, inclusive defeitos congênitos em bebês. Pesquisas indicam que o processo de invasão deste parasita nas células hospedeiras ocorre através da interação das proteínas micronemais (MIC) sintetizadas pelo protozoário durante a invasão, que irão interagir com os carboidratos presentes nas glicoproteínas (proteínas que possuem em sua estrutura determinado carboidrato) localizadas na membrana celular das células hospedeiras. Graças a estas interações, o protozoário consegue aderir na célula alvo a ser invadida. Entretanto, pouco se sabe ainda se estas proteínas possuem propriedades lectínicas (ligadoras de açúcares) seletivas com determinados carboidratos. Neste contexto, este projeto de mestrado tem como principal objetivo estudar as interações das lectinas (proteínas) recombinantes MIC1 e MIC4 da Toxoplasma gondii com diferentes carboidratos ou glicoproteínas utilizando a técnica eletrogravimétrica de Microbalança de Cristal de Quartzo (QCM), que tornará possível o cálculo das constantes de afinidade entre a lectina-carboidrato (ou glicoproteína), permitindo encontrar por quais carboidratos estas lectinas possuem maior afinidade.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANTOS, ADRIANO; CARVALHO, FERNANDA C.; ROQUE-BARREIRA, MARIA-CRISTINA; ZORZETTO-FERNANDES, ANDRE LUIZ; GIMENEZ-ROMERO, DAVID; MONZO, ISIDRO; BUENO, PAULO R. Evidence for Conformational Mechanism on the Binding of TgMIC4 with beta-Galactose-Containing Carbohydrate Ligand. Langmuir, v. 31, n. 44, p. 12111-12119, NOV 10 2015. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.