Busca avançada
Ano de início
Entree

Produtividade de soqueira de cana-de-açúcar relacionada à adubação com nitrato de amônio-cálcio/magnésio e as fontes convencionais uréia e nitrato de amônio

Processo: 10/18542-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2011
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Paulo Cesar Ocheuze Trivelin
Beneficiário:Luiz Renato Marques Tarifa
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Saccharum

Resumo

A mudança do sistema de colheita de cana-de-açúcar com prévia despalha a fogo para "cana crua" colhida mecanicamente representa vantagens, aumentando a atividade biológica e microbiana no solo, melhorando a infiltração de água, além de proteger a superfície do solo quanto ao processo erosivo, dentre outros benefícios. No entanto, caso não se realize o aleiramento da palha a fim de descobrir tanto a linha como a entrelinha de canaviais, operação essa que representa custo adicional no processo de produção da cana-de-açúcar, esse sistema impõe que o adubo nitrogenado seja aplicado diretamente sobre os resíduos culturais presentes na superfície do solo, influenciando diretamente nas perdas de NH3 por volatilização. Nesse sentido, o presente projeto tem como objetivo avaliar a eficiência agronômica da fonte alternativa: YARABELA Nitromag® (nitrato de amônio e cálcio/magnésio) na cultura da cana-de-açúcar, comparado-as com os fertilizantes comerciais: nitrato de amônio e uréia. O experimento será realizado em área comercial de cana-de-açúcar da Usina Iracema-UI (Piracicaba/SP) e da Usina Estiva-UE (Novo Horizonte/SP) em delineamento experimental de blocos ao acaso com quatro repetições. Os tratamentos constarão de três fontes nitrogenadas: nitrato de amônio (NA), uréia (U) aplicados na dose de 100 kg ha-1 de N e nitrato de amônio e cálcio/Magnésio (NI) aplicado nas doses de 50, 100, 150 e 200 kg ha-1 de N, além de uma testemunha (sem aplicação de N-mineral). Os cultivares de cana-de-açúcar utilizados serão: SP89 1115 e SP84 1285, respectivamente nas usinas UI e UE. Pretende-se avaliar a relação entre a determinação indireta de clorofila e o teor de N na folha+1, verificar a possibilidade de uso do clorofilômetro (N-Tester) na avaliação da nutrição dessa gramínea em N, além da produtividade de colmos e açúcar. O presente projeto integra o projeto de pesquisa com apoio financeiro do CNPQ - Edital MCT/CNPq/CT Agronomia N. 43/2008 (Processo CNPq 574982/2008-6) e Projeto FEALQ -YARA International ASA (Processo FEALQ 4925-5) de coordenação do orientador da proponente.