Busca avançada
Ano de início
Entree

Detecção molecular de parasitos da Família Sarcocystidae em amostras teciduais de roedores silvestres (Cavia aperea, Ctenomys spp., Myocastor coypus) depositadas em museus do Rio Grande do Sul

Processo: 10/14310-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Solange Maria Gennari
Beneficiário:Natalia Lopez Orozco
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Técnicas de genotipagem   Coccidia   Zoonoses   Toxoplasma gondii

Resumo

Poucos estudos quantificam o risco relativo da saúde humana baseados em pesquisas feitas em populações de animais silvestres, o que é crucial na compreensão da historia natural das doenças zoonóticas. Neste contexto, os coccídios, em particular os da família Sarcocystidae, são importantes agentes transmissíveis na interface homens-animais domésticos e silvestres. Seu diagnóstico é dificultado pela pouca disponibilidade de amostras, sem agredir a população natural de espécies em risco de extinção. O objetivo deste estudo é a detecção molecular de parasitos coccídios, com especial enfoque em Toxoplasma gondii, em amostras de espécimes de roedores das espécies Cavia aperea, Ctenomys spp. e Myocastor coypus pertencentes à subordem Hystricomorpha, depositadas nas coleções de museus de Ciências Naturais do estado do Rio Grande do Sul, o que até hoje não foi realizado.