Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese e caracterização de nanomateriais superparamagnéticos do tipo core-shell para aplicação em catálise e biomedicina

Processo: 11/12210-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2011
Vigência (Término): 30 de junho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Laudemir Carlos Varanda
Beneficiário:Watson Beck Junior
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:07/07919-9 - Nanocristais magnéticos coloidais: obtenção de nanoesferas, nanofios e nanobastões auto-organizados e funcionalizados com macromoléculas para aplicação em gravação magnética avançada, biotecnologia e biomedicina, AP.JP
Bolsa(s) vinculada(s):12/17771-7 - Nanomateriais magnéticos de Fe@FeOx com estrutura core-shell obtidos via redução de nanopartículas de magnetita, BE.EP.DR
Assunto(s):Química de materiais

Resumo

Materiais magnéticos em escala nanométrica, em especial nanopartículas, apresentam propriedades magnéticas diferenciadas se comparados aos mesmos materiais em escala macrométrica. Tais propriedades resultam na possibilidade de aplicação desses materiais em diferentes áreas do conhecimento, entre elas catálise e biomedicina. Ambas as áreas têm a preferência por nanopartículas que apresentem comportamento superparamagnético à temperatura ambiente, emanação magnética intensificada, estabilidade química e coloidal nos meios aos quais elas serão adicionadas para a destinada aplicação. Embora extensamente utilizadas, nanopartículas magnéticas de óxido de ferro apresentam como desvantagem baixos valores de magnetização de saturação (60-80 emu/g), os quais são ainda diminuídos após a realização de recobrimentos com compostos que lhe confiram funcionalidades adicionais, tais como biocompatibilidade, biosseletividade, atividade catalítica, entre outras. Sendo assim, com este trabalho pretende-se obter nanomateriais que apresentem uma grande intensificação em sua emanação magnética, com valores de magnetização de saturação superiores a 150 emu/g, mantendo todas as características necessárias às aplicações em catálise e biomedicina às quais estes materiais se destinam. Após sua obtenção, tais materiais serão submetidos a processos de funcionalização de sua superfície com macromoléculas biocompatíveis e compostos biologicamente ativos que apresentem biosseletividade por determinados sistemas biológicos para aplicação em diferentes áreas da biomedicina, ou catalisadores orgânicos e organometálicos para aplicação na catálise das mais variadas reações.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
JUNIOR, Watson Beck. Síntese e caracterização de nanomateriais superparamagnéticos do tipo core-shell para aplicação em catálise e biomedicina. 2016. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Química de São Carlos São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.