Busca avançada
Ano de início
Entree

A história da Caatinga: explorando padrões filogeográficos e processos evolutivos em cada três anfíbios com dados de sequenciamento de nova geração

Processo: 13/09088-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 15 de agosto de 2013
Vigência (Término): 14 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Célio Fernando Baptista Haddad
Beneficiário:Maria Tereza Chiarioni Thomé
Supervisor no Exterior: Bryan Charles Carstens
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Local de pesquisa : Ohio State University, Columbus, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:11/51392-0 - A história da Caatinga: filogeografia comparada de anfíbios enfrentando um bioma xérico, BP.PD

Resumo

A Caatinga é o bioma menos estudado e protegido no Brasil. Sua característica mais marcante é o déficit hídrico causado por longos e intensos períodos de seca, para os quais a biota é altamente adaptada. Apesar desta condição geral de aridez, fatores abióticos variam regionalmente e associações entre as condições ambientais e padrões de distribuição de diversidade sugerem relações históricas e um papel na diversificação. Informações sobre a história do bioma são escassas e locais, mas sugerem interações com biomas adjacentes relacionadas a mudanças climáticas do passado. Paleoindicators indicam a substituição parcial da Caatinga por florestas tropicais no Pleistoceno, enquanto paleomodelagem de nicho suporta uma Caatinga bastante estável para o mesmo período. Ao reunir as informações disponíveis, juntamente com os resultados de um estudo de filogeografia que realizamos com marcadores microssatélites em uma rã endêmica, fomos capazes de formular cenários biogeográficos alternativos, mas ainda não temos um conjunto de dados adequado para avaliar de forma confiável as diferentes hipóteses de diversificação. Neste projeto propomos coletar e processar dados de um grande número de marcadores para as três espécies de anfíbios do projeto original, utilizando Restriction site-associated DNA sequencing (RAD-seq) no laboratório do professor Carstens, Ohio State University, Estados Unidos. Esperamos obter cerca de 1000 loci por espécies, segundo experiências anteriores deste laboratório com esta tecnologia de sequenciação. Para lidar com essa quantidade de dados, pretendemos explorar uma nova abordagem para testar modelos genéticos populacionais, baseada na aproximação difusa ao espectro de freqüência alélicas (Dadi). Esta abordagem, que é baseada em modelos, nos permitirá testar ou classificar os cenários biogeográficos formulados. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
THOME, MARIA TEREZA C.; CARSTENS, BRYAN C. Phylogeographic model selection leads to insight into the evolutionary history of four-eyed frogs. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, v. 113, n. 29, p. 8010-8017, JUL 19 2016. Citações Web of Science: 18.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.