Busca avançada
Ano de início
Entree

Imagens de satélite multitemporais e algoritmo external parameter orthogonalization na maximização do uso de sensores: ferramentas úteis no mapeamento digital de solos

Processo: 13/18769-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 21 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:José Alexandre Melo Demattê
Beneficiário:José Alexandre Melo Demattê
Anfitrião: Cristine Lois Smith Morgan
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa : Texas A&M University, Estados Unidos  
Assunto(s):Solos   Geotecnologias   Sensoriamento remoto   Mapeamento do solo   Espectrorradiometria

Resumo

A questão da falta de mapas de solos no Brasil é tema recorrente. Tal fato demonstra as dificuldades da comunidade científica em aplicar conceitos e importância do tema para angariar e lidar com as questões financeiras. É preciso conseguir rápidas informações sobre o solo com menor custo. Não há dúvida sobre a importância dos mapas de solos para a economia brasileira no que concerne ao setor agrícola. Basta verificar os benefícios dos famosos Volumes do RADAMBRAIL aos brasileiros. É preciso continuar a busca por metodologias geotecnológicas, que, associadas aos trabalhos de campo permitam atingir os objetivos do mapeamento. O presente estudo tem por objetivos determinar metodologias baseadas no sensoriamento remoto que possam subsidiar o mapeamento digital de solos. Os objetivos específicos são: a) determinar um método de obtenção de solo exposto de maneira contínua em áreas agrícolas pelas imagens landsat, adquirindo informações dos atributos do solo pela imagem; b) testar um algoritmo denominado EPO (External parameter orthogonalization) para transformar dados de reflectância obtidos me laboratório, com seu correspondente em campo. Com isso espera-se não precisar coletar no campo as amostras, secar e moer, como comumente é realizado. O banco de dados será processado e modelado por softwares como ENVI, ArcGis e R. Os resultados serão base para futuros trabalhos em mapeamento de solos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Esalq monta biblioteca espectral como base para mapeamento de solos do Brasil 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FONGARO, CAIO T.; DEMATTE, JOSE A. M.; RIZZO, RODNEI; SAFANELLI, JOSE LUCAS; MENDES, WANDERSON DE SOUSA; DOTTO, ANDRE CARNIELETTO; VICENTE, LUIZ EDUARDO; FRANCESCHINI, MARSTON H. D.; USTIN, SUSAN L. Improvement of Clay and Sand Quantification Based on a Novel Approach with a Focus on Multispectral Satellite Images. REMOTE SENSING, v. 10, n. 10 OCT 2018. Citações Web of Science: 0.
MELO DEMATTE, JOSE ALEXANDRE; FONGARO, CAIO TROULA; RIZZO, RODNEI; SAFANELLI, JOSE LUCAS. Geospatial Soil Sensing System (GEOS3): A powerful data mining procedure to retrieve soil spectral reflectance from satellite images. REMOTE SENSING OF ENVIRONMENT, v. 212, p. 161-175, JUN 2018. Citações Web of Science: 12.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.