Busca avançada
Ano de início
Entree

Interações biocarvão-planta: um estudo da absorção de metais e desenvolvimento de raízes em solos contaminados

Processo: 13/27010-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 03 de abril de 2014
Vigência (Término): 02 de outubro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Cleide Aparecida de Abreu
Beneficiário:Aline Peregrina Puga
Supervisor no Exterior: Luke Beesley
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : James Hutton Institute, Escócia  
Vinculado à bolsa:12/01799-0 - Efeitos do biocarvão na mitigação da toxicidade de metais pesados em solo multicontaminado, BP.DR
Assunto(s):Poluição do solo

Resumo

Biocarvão (BC) é um dos materiais produzidos pela queima de biomassa, sob condições mínimas de oxigênio, por meio do processo chamado pirólise. A aplicação de BC em solos é usado principalmente com o objetivo de seqüestrar carbono, bem como melhorar as propriedades química, físicas e biológicas do solo. Devido às suas propriedades de retenção de água, o biocarvão será estudado para imobilização de contaminantes inorgânicos em solos . Este projeto tem os seguintes objetivos: i) avaliar a capacidade do BC e sua biomassa original para reduzir a transferência de metais pesados para a solução do solo e as plantas cultivadas em solos contaminados ; ii ) avaliar as raízes das plantas cultivadas em solos com aplicação de BC e realizar o teste de evitamento de minhocas em solos contaminados. Para isto 4 experimentos serão feitos: I) três solos contaminados serão incubados em vasos com diferentes BC e sua respectiva biomassa crua. Plantas de trigo serão semeadas nestes solos. As amostras de solo, da solução do solo e as plantas serão analisadas quanto o teor de metais pesados. II) Rhizobox receberão dois solos contaminados e serão incubados com 2 biocarvões diferentes. Plantas de cevadas serão plantadas e as raízes serão analisadas; III) 3 diferentes biocarvões inerte ( lavados com ácido ) serão colocadas em placas de petri e sementes de azevém serão germinadas. Um período após a germinação, as placas serão examinadas sob o microscópio para ver os padrões de enraizamento; IV) teste de evitamento de minhoca serão realizados em solos contaminados com e sem aplicação de biocarvão. (AU)