Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização dos produtos de transformação de antimicrobianos fluoroquinolonas selecionados submetidos à degradação em reatores anaeróbios

Processo: 14/19650-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2014
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Marcelo Zaiat
Beneficiário:Tanare Cambraia Ribeiro Ferreira
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/15984-0 - Produção de bioenergia no tratamento de águas residuárias e adequação ambiental dos efluentes e resíduos gerados, AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):15/24186-1 - Biodegradação anaeróbia do enrofloxacin em sedimentos de lago e biorreatores, BE.EP.PD
Assunto(s):Águas residuárias   Contaminantes químicos da água   Antibióticos   Química verde   Reatores anaeróbios   Cromatografia líquida de alta eficiência

Resumo

A contaminação de águas residuais por fármacos é de reconhecida importância. Dentre eles, os antimicrobianos causam grande preocupação pelos impactos sobre o desenvolvimento de resistência bacteriana. Os efluentes industriais, urbanos, hospitalares e de fazendas que utilizam antimicrobianos com finalidades veterinárias são as principais fontes de contaminação. Adicionalmente, as formas convencionais de tratamento de esgoto têm mostrado-se pouco efetivas na remoção desses xenobióticos e poucos estudos avaliam detalhadamente formas alternativas para a degradação desses compostos, bem como as suas consequências. Nesse enfoque, a utilização de reatores anaeróbios de leito fixo tem mostrado bons resultados na remoção de contaminantes orgânicos de efluentes. Todavia, as abordagens utilizadas na "remoção" de contaminantes carecem de melhor caracterização, quanto à possível formação de intermediários que permaneçam ativos e potencialmente tóxicos. Nesse projeto tem-se também a preocupação com os aspectos ambientais da pesquisa, de maneira que se busca o desenvolvimento de estratégias modernas de análise. Diversas estratégias com o emprego de microextrações em fase líquida ou sólida podem ser desenvolvidas atualmente para águas residuais, enquanto o emprego de cromatografia líquida e de colunas com altíssima eficiência em análises rápidas também tem sido recomendado em Química Analítica Verde. Dessa forma, os objetivos desse projeto são a caracterização dos produtos de degradação de antimicrobianos selecionados, da classe das fluoroquinolonas, utilizando a degradação em reator biológico; e também o desenvolvimento de estratégias modernas para o preparo dessas amostras de águas contaminadas e submetidas às degradações, e as suas análises utilizando cromatografia líquida de alta eficiência e diferentes tecnologias de espectrometria de massas. (AU)