Busca avançada
Ano de início
Entree

Acidentes de trânsito: uma frustração? Um estudo qualitativo no vértice psicanalítico

Processo: 15/03719-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Cássia Regina Rodrigues
Beneficiário:Camilla Victória Weigert
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Frustração   Acidentes de trânsito   Psicanálise   Pesquisa qualitativa

Resumo

Os acidentes de trânsito são uma das principais causas de morte em todo o mundo, com cerca de 1,2 milhões de mortes por ano. No Brasil, ocorreram cerca de 400 000 acidentes em 2009 envolvendo vítimas. Desde 2007, o Ministério da Saúde, em colaboração com outras instituições, começou a se preocupar com eventos de transtorno pós-traumático, dando recomendação para a criação de estudos que compreendam melhor a maneira de ajudar as vítimas. Nestes eventos, a máquina psíquica pode sofrer prejuízo, com um sentimento de frustração devido a um objetivo não alcançado, em que o ego é incapaz de reparar, ficando atordoado e desamparado. Há dois casos de reação ao evento traumático: em primeiro lugar, uma reação mais adaptativa, quando a máquina psíquica é capaz de transpor a situação traumática. Nestes casos, há atitude de busca de soluções para o problema. Em segundo lugar, não adaptativa, o indivíduo pode desenvolver condutas evitativas para esquecer o problema, sem uma solução. Esse comportamento pode levar a transtornos mentais. Infelizmente, o governo brasileiro ainda não propôs qualquer serviço nacional de saúde para mediar esses eventos traumáticos, apesar da recomendação de uma pesquisa de frente ter sido anunciada. Este projeto de pesquisa tem como objetivo suprir esta lacuna através de uma compreensão de como ajudar e, prontamente, dar um apoio psicológico. A metodologia que será empregada consiste em entrevistas semi-dirigidas com pacientes internados na Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Carlos - SP. Essas entrevistas serão gravadas em áudio ou vídeo. O seu conteúdo será cuidadosamente analisado, com o objetivo de perceber o sentimento de frustração e caracterizá-lo em termos de forma e expressão, empregando a Técnica de Análise de Conteúdo Temática. Serão usadas teorias psicanalíticas padrões como fundamentação teórica. O principal objetivo deste projeto é revelar e demonstrar a importância do apoio psicológico às vítimas de acidentes de trânsito, bem como fornecer uma base para futuros projetos de pesquisa e serviços de saúde. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)