Busca avançada
Ano de início
Entree

Fenotipagem e validação de QTLs relacionados à robustez de leveduras industriais

Processo: 16/18153-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Gleidson Silva Teixeira
Beneficiário:Juliana Pimentel Galhardo
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/02506-7 - Desenvolvimento de métodos high-throughput para o estudo de quantitative traits loci relacionados à robustez de leveduras industriais (Saccharomyces cerevisiae), AP.BIOEN.R
Assunto(s):Saccharomyces cerevisiae   Leveduras   Citometria de fluxo   Locos de características quantitativas

Resumo

Fenótipos relacionados à robustez observada em leveduras adaptadas às condições industriais - leveduras industriais - são em grande parte características quantitativas, ou seja, controlados por alelos de diversos genes organizados em regiões denominadas Quantitative Trait Loci (QTLs). Além da influência poligênica, caracteres quantitativos podem, ainda, sofrer influência de fatores ambientais, o que caracteriza uma herança multifatorial. Por essas razões, o estudo de QTLs em Saccharomyces cerevisiae possui tipicamente como desafios (I) a análise e a dissecção manual de tétrades; (II) a fenotipagem de um grande número de segregantes - de centenas a alguns milhares - e; (III) a validação de potenciais alelos relacionados ao fenótipo estudado. Neste contexto, este projeto pretende testar e utilizar ferramentas high-throughput no estudo de QTLs relacionados à tolerância ao 5-hidroximentilfurfural - inibidor de crescimento de S. cerevisiae - e à termotolerância, características observadas em linhagens industriais previamente selecionadas. (AU)