Busca avançada
Ano de início
Entree

Busca de elementos de transposição no genoma de cervídeos e sua relação com rearranjos cromossômicos

Processo: 16/08812-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2017
Vigência (Término): 25 de setembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
Pesquisador responsável:José Maurício Barbanti Duarte
Beneficiário:Elias Alberto Gutierrez Carnelossi
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Elementos de DNA transponíveis   Rearranjo gênico   Cariótipo   Cervidae

Resumo

Os Elementos de Transposição (TEs) são curtas sequências de DNA que ocupam uma porção importante do genoma de procariotos e eucariotos, com habilidade de se moverem e se replicarem dentro e entre genomas. Sua presença e localização estão muitas vezes associados à polimorfismos cromossômicos, que podem implicar em alterações estruturais e funcionais do genoma. Tais alterações potencialmente podem afetar a evolução das espécies. Ainda assim, há pouca informação em relação à sua distribuição, impacto e dinâmica destes elementos nos cromossomos de mamíferos, mas muito bem documentados em insetos e plantas. Estudos com a família Cervidae (Mammalia) mostraram que variações cromossômicas são frequentes entre e dentro das espécies do grupo. Polimorfismos cromossômicos intraespecíficos caracterizados por fusões cêntricas e em tanden e presença de cromossomos B, são observados em diferentes populações do gênero Mazama. Sendo assim, o objetivo é determinar a diversidade de TEs no genoma Cervidae, sua distribuição nos cromossomos e se sua localização pode ter relação com os rearranjos cromossômicos entre as espécies do gênero Mazama. Assim, propomos: i) identificar e registrar cópias de TEs no genoma depositado; ii) anotar cópias completas e putativamente ativas; iii) estabelecer o posicionamento de TEs em relação aos genes no mapa cromossômico disponível; iv) comparar o cariótipo de Mazama gouazoubira e Cervus elaphus; e v) validar a ocorrência de TEs específicos por FISH, em cariótipos de espécies Mazama. Em uma perspectiva geral, os resultados serão inéditos e promissores em identificar cópias de diferentes TEs, sua relação com os rearranjos cromossômicos e situar seu papel na evolução dos cervídeos. (AU)