Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação do comprimento de uma bomba de sangue intraventricular por meio de estudo de posicionamento anatômico em modelos obtidos por tomografia computadorizada

Processo: 17/01353-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Pesquisador responsável:Aron Jose Pazin de Andrade
Beneficiário:Erick Matias da Silva
Instituição-sede: Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia (IDPC). Fundação Adib Jatene (FAJ). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/24434-0 - Sistemas propulsores eletromagnéticos para coração artificial implantável e dispositivos de suporte circulatório mecânico, AP.TEM
Assunto(s):Dispositivo de assistência circulatória   Bombas de fluxo axial   Coração auxiliar   Hemodinâmica

Resumo

A principal causa de morte no mundo são as doenças cardiovasculares. Um transplante cardíaco é, muitas vezes, a única forma de tratamento para certas doenças cardíacas, restabelecendo as condições normais do paciente. Um Coração Artificial ou Dispositivo de Assistência Ventricular pode ser utilizado nas seguintes aplicações: manter a vida do paciente enquanto ele aguarda na fila de espera por um transplante (ponte para transplante), durante tratamentos clínicos para melhorar as condições gerais de saúde do paciente (ponte para recuperação), como única terapia disponível para um determinado paciente (terapia de destino) ou como suporte circulatório (no pré ou pós-operatório) com ou sem oxigenador de sangue. O Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia (IDPC) está estudando um novo dispositivo de assistência ventricular (DAV), que é uma bomba de fluxo axial implantável, em termos básicos, consiste em um impulsor do tipo parafuso que gira empurrando o fluido através do tubo. Ao contrário de uma bomba centrífuga, o fluido que passa através de uma bomba de fluxo axial não muda de direção. No mundo do DAV a bomba de fluxo axial leva sangue do ventrículo esquerdo através de uma cânula de entrada. O sangue roda através da câmara da bomba e é empurrado para fora através de uma cânula de saída para a aorta ascendente (principal vaso sanguíneo que fornece o corpo), o dispositivo é implantado dentro do coração ou das principais artérias para fornecer suporte hemodinâmico. Logo, o dimensionamento externo da bomba de fluxo axial implantável é uma etapa principal que possibilita obter detalhes de posicionamento anatômico, entrada de fluxo, dimensões nas quais estudos posteriores poderão seguir de exemplo para testes como simulações computacionais, construções de protótipos e ensaios In Vitro.