Busca avançada
Ano de início
Entree

Contribuição dos métodos diagnósticos na avaliação das infecções fúngicas invasivas (IFI) em pacientes submetidos a transplante de células tronco hematopoiéticas (tact)

Processo: 17/25415-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 30 de abril de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Marjorie Vieira Batista
Beneficiário:Graciella Calsolari Figueiredo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Infectologia   Infecções fúngicas invasivas   Galactomanana   Transplante de células-tronco hematopoéticas   Imunodepressão   Técnicas e procedimentos diagnósticos

Resumo

As infecções fúngicas representam uma complicação importante e com uma elevada morbimortalidade em pacientes com doenças hematológicas que são submetidos à imunodepressão e a transplante de células tronco hematopoiéticas (TCTH). As taxas de mortalidade, em alguns estudos chega a 80%, o que faz a busca do diagnóstico precoce a melhor estratégia para se obter uma maior sobrevida. O uso de exames de imagem e biomarcadores têm sido amplamente estudados numa tentativa de garantir melhores resultados e, com a mesma intenção, este projeto busca comparar os diferentes métodos diagnósticos e o que eles têm a oferecer de vantagens e desvantagens no estabelecimento precoce do tratamento de infecções fúngicas. Para isso serão analisados os dados de pacientes submetidos à TCTH no Hospital das Clínicas de São Paulo, que realizaram tomografia computadorizada (TC) e dosagem sérica de galactomanana (GM), além dos métodos tradicionais como cultura, pesquisa direta e anatomia patológica. Por meio dessas informações espera-se contribuir com o desenvolvimento de uma estratégia diagnóstica rápida e que melhore a abordagem dessas patologias no contexto da imunodepressão. (AU)