Busca avançada
Ano de início
Entree

Interações de conforto ergonômico e luminoso: áreas internas de edifícios ícones da arquitetura modernista brasileira, em São Paulo, produzida entre 1930 e 1964

Processo: 18/06096-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 03 de setembro de 2018
Vigência (Término): 02 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Roberta Consentino Kronka Mülfarth
Beneficiário:Sylvia Tavares Segovia
Supervisor no Exterior: Rosa Schiano-Phan
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Westminster, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:17/08451-2 - Interações de conforto ergonômico e luminoso: áreas internas de edifícios ícones da arquitetura modernista brasileira, em São Paulo, produzida entre (1930 e 1964), BP.IC
Assunto(s):Ergonomia   Conforto luminoso

Resumo

Este projeto de pesquisa é uma continuação de dois projetos precedentes de pesquisa 1 "Interações de Conforto Ergonômico e Luminoso: Áreas Internas de Arquitetura Moderna Brasileira, em São Paulo, entre 1930 e 1964" (Processo de FAPESP 2017 / 08451-2) e 2 "O Desempenho, sob o enfoque ergonômico, de Edifícios Ícones da Arquitetura Modernista Brasileira, em São Paulo, entre 1930 e 1964" (processo FAPESP nº 2016 / 05216-0). O objetivo é desenvolver uma compreensão profunda das possíveis interações entre o software plug-in para modelagem digital Grasshopper e a ferramenta de avaliação de desempenho diurna DIVA (que a aluna já está utilizando no projeto de pesquisa em andamento 1), que está associada a uma análise de base climática, enquanto examina a performance diurna e o potencial do prédio da Faculty of Arquitecture and the Built Environment da University of Westminster, na cidade de clima temperado de Londres. A pesquisa empregará métodos analíticos de análise de desempenho de luz diurna, baseados em procedimentos avançados de simulação de computador, examinando o desempenho de espaços de trabalho selecionados dentro do prédio da Faculty of Architecture and the Built Environment da University of Westminster, FABE-UoW. A modelagem digital do edifício será realizada com o software Rhinoceros 5 (Robert Mcneel & Associates, 2015). A primeira e segunda rodada de simulações de performance diurna serão realizadas com o software DIVA 4.0 (Solemma LLC), para a terceira rodada de simulações (sombreamento dinâmico), o plug-in Grasshopper (Scott Davidson) será aplicado em conjunto com o software DIVA, criando variações automáticas do componente de construção responsável pelo controle da entrada de radiação global. Neste momento, a aluna também terá disponível o software EASL / Bentley Thermal Analysis Simulation (TAS), ferramenta que permite gerar gráficos com as condições térmicas internas dos edifícios em diferentes dias do ano, cobrindo as estações quentes e frias e diferentes coberturas de céu, e será capaz de adquirir noções básicas do uso do software. Em relação aos critérios de avaliação, o principal deles será a Useful Daylight Iluminance (UDI), proposta por Nabil e Mardaljevic (2006), que envolve uma análise baseada no clima. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.