Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização e investigações in vitro de uma biosilica enriquecida com fator de crescimento para reparo ósseo

Processo: 18/16328-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 30 de outubro de 2018
Vigência (Término): 29 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Ana Claudia Muniz Renno
Beneficiário:Paulo Roberto Gabbai Armelin
Supervisor no Exterior: Rui Luis Goncalves dos Reis
Instituição-sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade do Minho (UMinho), Portugal  
Vinculado à bolsa:15/20704-8 - Efeitos de compósitos de biovidro/colágeno/magnésio no processo de reparo ósseo de ratos saudáveis, BP.PD
Assunto(s):Biotecnologia   Engenharia tecidual   Biomateriais   Fraturas ósseas

Resumo

As fraturas ósseas caracterizam um importante evento na clinica médica, sendo relacionadas com traumas, envelhecimento e doenças. Em situações críticas, tais como perda óssea e osteoporose, o reparo do tecido pode ser comprometido e culminar em uma não consolidação. Nesse contexto, as propriedades osteogênicas dos biomateriais com origem natural têm ganhado destaque. Particularmente, esponjas marinhas são organismos promissores que podem ser explorados como biomateriais para enxertos ósseos. Com o intuito de se melhorar as propriedades osteogênicas dos biomateriais, como a Biosilica de esponjas (BS), uma estratégia viável é a incorporação de fatores de crescimento a esses materiais. Nesse contexto, a proteína morfogenética óssea 2 (BMP2) tem um papel positivo e fundamental na formação óssea. Assim, os objetivos desse estudo são de estudar as propriedades físico-químicas e morfológicas da BS enriquecida com BMP2 por meio da microscopia eletrônica de varredura, infravermelho por transformada de Fourier, difração de raios-x (SEM, FTIR e XRD respectivamente), teste mecânico e liberação in vitro de BMP2. Além disso, testes em cultura de células MC3T3-E1 serão realizados para se investigar a citotoxicidade e influência na proliferação/adesão celular na presença de BS. O Biovidro (BG) será utilizado como material referência para fins comparativos. Essa proposta poderá resultar no desenvolvimento de novos produtos para aplicações biomédicas, melhorando a qualidade de vida de pacientes acometidos por problemas com o reparo ósseo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GABBAI-ARMELIN, PAULO ROBERTO; KIDO, HUELITON WILIAN; FERNANDES, KELLY ROSSETTI; FORTULAN, CARLOS ALBERTO; MUNIZ RENNO, ANA CLAUDIA. Effects of bio-inspired bioglass/collagen/magnesium composites on bone repair. JOURNAL OF BIOMATERIALS APPLICATIONS, v. 34, n. 2, p. 261-272, AUG 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.