Busca avançada
Ano de início
Entree

Vivências de pacientes recém diagnosticados com doenças onco-hematológicas

Processo: 18/14922-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Tratamento e Prevenção Psicológica
Pesquisador responsável:Érika Arantes de Oliveira-Cardoso
Beneficiário:Yara Luana Pereira de Souza
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Psicologia hospitalar   Doenças hematológicas   Prognóstico   Luto   Coleta de dados   Entrevistas (psicologia)

Resumo

O diagnóstico de uma doença com um prognóstico tão severo como o do câncer é vivenciado, muitas vezes, como uma "sentença de morte", podendo desencadear o processo de luto antecipatório. Este estudo tem por objetivo compreender o processo de luto antecipatório vivenciado pelos pacientes recém-diagnosticados com doenças hematológicas malignas. Mais especificadamente pretende-se: investigar os sentidos do adoecimento; investigar os lutos já vivenciados (luto pela perda da saúde, lutos pelos papéis sociais, dentre outros); compreender a vivência do luto antecipatório; identificar fontes de apoio; conhecer desejos, necessidades atuais e expectativas e planos futuros dos participantes. Trata-se de um estudo qualitativo, descritivo-exploratório e que terá como referencial teórico o luto antecipatório. A amostra de conveniência será composta por pacientes adultos, de ambos os sexos, internados em uma enfermaria de Hematologia. A coleta será realizada no período de um semestre. Para a construção do corpus de análise será aplicada em uma entrevista semiestruturada, pautada em um roteiro temático. A coleta de dados será realizada individualmente, em situação face a face, e audiogravadas. O conteúdo será transcrito literalmente e na íntegra e submetido à análise de conteúdo temático. Posteriormente, os resultados serão sistematizados nas categorias temáticas e interpretados com base na teoria do luto antecipatório. Espera-se produzir um conhecimento que auxilie na compreensão da vivência do luto antecipatório pelo paciente e a partir disso oferecer sugestões para aprimorar as intervenções da equipe multiprofissional.