Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese e caracterização dos supercondutores baseados em ferro LnFeAsO1xFx (LN = la, CE)

Processo: 19/23879-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Ricardo Donizeth dos Reis
Beneficiário:Wagner Ribeiro da Silva Neto
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:18/00823-0 - Novos estados topológicos da matéria sob condições extremas, AP.JP
Assunto(s):Supercondutividade   Materiais supercondutores   Caracterização estrutural   Férmions pesados   Radiação síncrotron

Resumo

Embora a teoria BCS tenha fornecido uma ótima descrição dos materiais supercondutores em 1957, conhece-se atualmente vários novos materiais que levam à supercondutividade através de mecanismos mais complexos. Os Supercondutores a Base de Ferro recebem atualmente grande atenção, uma vez que apresentação supercondutividade em temperaturas mais altas frente aos sintetizados previamente. Nesses materiais, pequenas alterações de um parâmetro de controle externo podem alterar fundamentalmente as propriedades do material, com as propriedades físicas dependendo de uma competição delicada de diferentes interações. Ser capaz de ajustar essas interações é essencial para a compreensão da supercondutividade nestes materiais. Levando em consideração as características comuns entre os materiais IBS, esse projeto propõe a síntese e caracterização dos materiais 1111, cuja fórmula molecular é LnFeAsO1ýxFx, com Ln sendo os elementos La, Sm, Nd ou Ce, nas formas de policristais e monocristais em duas etapas diferentes: primeiramente, as sínteses ocorrerão em Campinas com o grupo de pesquisa do Prof. Pagliuso, dedicando-se aos materiais para Ln = La e Ce; em uma segunda etapa, o candidato fará uso de um programa de bolsas em parceria com grupo do Max Planck, para viajar à Dresden, para possibilitar a síntese dos IBS contendo Sm e Nd, além de focar no desenvolvimento de novos possíveis processos para crescimento de cristais. Além disso, no segundo ano deste projeto o estudante irá participar das medidas de XRD e XAS (XANES e XMCD) como função da pressão (hidrostática e uniaxial), que irão ocorrer na linha de luz EMA do novo Sincrotron brasileiro, Sirius. Nesta parte do projeto nós iremos estudar as correlações entre estrutura e magnetismo desta família de composto como função da pressão o que será fundamental para que possamos investigar qual o papel do íon de Fe no estado supercondutor destes compostos. Por fim, o estudante buscará formação básica no campo de Física do Estado Sólido, como estratégia inicial para seu futuro projeto de mestrado.