Busca avançada
Ano de início
Entree

Zebradvances Company: núcleo de pesquisa e inovação com zebrafish

Processo: 20/12895-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência (Início): 01 de novembro de 2020
Vigência (Término): 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Toxicologia
Pesquisador responsável:Helena Janke
Beneficiário:Helena Janke
Empresa:Zebradvances Pesquisa e Consultoria em Rastreio Toxicológico Ltda
CNAE: Fabricação de medicamentos para uso humano
Fabricação de medicamentos para uso veterinário
Pesquisa e desenvolvimento experimental em ciências físicas e naturais
Vinculado ao auxílio:19/22938-7 - Zebradvances Company - Núcleo de Pesquisa e Inovação com Zebrafish, AP.PIPE
Assunto(s):Peixe-zebra   Preparações farmacêuticas   Toxicidade aguda   Cardiotoxicidade   Hepatotoxicidade   Genotoxicidade   Neurotoxicidade

Resumo

No contexto da indústria farmacêutica, de agroquímicos, produtos alimentícios entre outros, a avaliação de segurança toxicológica humana, animal e ambiental, em relação ao controle de qualidade de matéria prima de produtos em comercialização e de novos produtos a serem lançados no mercado, tem grande relevância para obtenção de sucesso nas etapas regulatórias. Atualmente, os ensaios utilizados no rastreio toxicológico são custosos, demorados e não satisfatoriamente preditivos. Para solucionar esse problema a Zebradvances Company propõe um programa de rastreio toxicológico rápido, barato e preditivo de efeitos adversos à saúde humana, animal e ambiental, que envolve ensaios toxicológicos com o modelo alternativo Zebrafish (embriões e larvas). Ensaios com modelo Zebrafish apresentam muitas vantagens em relação aos modelos convencionais in silico e in vitro, principalmente pelo alto grau de semelhança genética com humano (~70%) e por possuir sistema de Absorção, Distribuição, Metabolismo e Excreção (ADME) de um organismo completo. Os objetivos a serem alcançados incluem a validação de metodologias para avaliação de endpoints requeridos para o rastreio toxicológico, tais como toxicidade aguda, cardíaca, hepática, gênica, neurológica. Serão validadas as metodologias de ensaios toxicológicos normatizados e descritos na literatura, como: Guideline OECD 236 (Fish Embryo Acute Toxicity (FET) Test); avaliação de cardiotoxicidade por alteração dos parâmetros cardíacos em larvas de 96 hpf, com auxílio de software CardioCount v.01; avaliação de hepatoxicidade de acordo com dois desfechos fenotípicos do fígado empregando o método de coloração Oil Red O; avaliação de genotoxicidade pelo teste Cometa; neurotoxicidade por avaliação de biomarcador neurocomportamental, com auxílio do software ESPMOV Count v1.0. (AU)