Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da toxicidade dos metais Fe, Cu, Ni, Zn e Co em reatores sulfetogênicos abastecidos com diferentes doadores de elétrons.

Processo: 23/03148-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2023
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Denise Bevilaqua
Beneficiário:Guilherme Salvador Peres Neto
Instituição Sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):23/16400-0 - Adição de co-substrato para aclimatação em fluxo de um biorreator sulfidogênico alimentado com resíduos de grãos de cevada como doador de elétrons de lenta liberação., BE.EP.MS
Assunto(s):Drenagem ácida de minas   Materiais lignocelulósicos   Tratamento de águas residuárias
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Bactérias Redutoras de Sulfato | drenagem ácida de minas | materiais lignocelulósicos | Sulfetogênese | toxicidade de metais | Tratamento de águas residuárias

Resumo

O uso de bactérias redutoras de sulfato para tratamento e recuperação de metais em drenagens ácidas de minas (DAM) foi proposto há décadas. Contudo, a formação de partículas finas e pouco sedimentáveis, de difícil recuperação, dificulta a aplicação da tecnologia em larga escala. O uso de materiais lignocelulósicos é uma promissora estratégia para contornar esse problema e auxiliar na recuperação de metais presentes em DAM. Materiais lignocelulósicos atuam como doadores de elétrons de lenta liberação (DELL), evitando a formação de zonas supersaturadas de sulfeto. Dessa forma, há predominância na formação de aglomerados maiores de cristais de sulfetos metálicos e mais facilmente recuperáveis por unidade de separação simples. No entanto, o impacto dos metais em reatores abastecidos com materiais lignocelulósicos ainda não está descrita. O presente trabalho, portanto, busca analisar e comparar o impacto dos metais Fe, Cu, Co, Ni e Zn em reatores abastecidos com diferentes doadores de elétrons. Serão utilizados bagaço de cana de açúcar (BCA) e um mix de doadores de elétrons de baixo peso molecular (glicerol, lactato e sacarose). A primeira etapa do projeto será a construção da matriz sob o design Plackett-Burman. Com auxílio da matriz Plackett-Burman serão testadas diferentes concentrações de metais, analisando como cada metal impacta as diferentes rotas metabólicas empregadas. A análise será feita em relação as rotas metabólicas hidrolíticas, fermentativas e sulfato-redutoras. Será realizado também um ensaio para compreender os efeitos tóxicos do sulfeto sobre os microrganismos hidrolíticos, fermentativos e sulfato redutores, usando diferentes concentrações iniciais de sulfeto.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)