Busca avançada
Ano de início
Entree

Preparação de elastômeros condutores utilizando líquidos iônicos como plastificante

Processo: 10/09788-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 31 de julho de 2011
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Roselena Faez
Beneficiário:Leandro Prudencio Silva
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:07/50742-2 - Preparação, caracterização e avaliação de propriedades de polímeros condutores híbridos nano-estruturados em meio não convencional, AP.JP
Assunto(s):Polímeros (materiais)   Elastômeros   Líquidos iônicos   Condutividade elétrica

Resumo

Elastômeros condutores são amplamente aplicados. Exemplos de uso são correias, tapetes com propriedades antiestáticas, cabos de fios elétricos, sensores de pressão. A finalidade nestes casos é dissipar uma carga eletrostática ou servir como um sensor, em que a condutividade elétrica é o parâmetro de medida. Este trabalho visa a obtenção de um elastômero condutor baseado em polímeros condutores (PC) e elastômeros (EL). O principal objetivo é preparar um material que tenha propriedades adequadas para uso em aplicações elétricas com características elastoméricas. Para tal finalidade, neste trabalho serão utilizados o polímero condutor polianilina (PAni), a borracha nitrílica (NBR) e líquidos iônicos como plastificantes e auxiliar de processo. As blendas serão preparadas por mistura mecânica utilizando uma câmara de mistura do reômetro Haake com diferentes proporções de polianilina. O material será vulcanizado, sendo que o sistema de vulcanização será objeto de estudo deste trabalho. Os materiais serão caracterizados utilizando-se técnicas usuais em polímeros (térmicas, estruturais, mecânicas, condutividade elétrica e morfologia). Pretende-se também fazer caracterizações de sensibilidade à pressão para verificar a potencialidade do material como sensor de pressão (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEANDRO PRUDÊNCIO; FERNANDA FERRAZ CAMILO; ROSELENA FAEZ. Líquidos iônicos como plastificantes em blendas de borracha nitrílica/polianilina. Química Nova, v. 37, n. 4, p. 618-623, 2014.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.