Busca avançada
Ano de início
Entree

Em direcao a fotossintese artificial: complexos binucleares run-mn para producao de energia.

Processo: 08/50719-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2008
Vigência (Término): 06 de maio de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química
Pesquisador responsável:Rose Maria Carlos
Beneficiário:Simone Delezuk Inglez
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Oxirredução   Manganês   Fotoquímica   Rutênio   Fotossíntese artificial

Resumo

Pretendemos neste projeto usar os princípios e conceitos da fotossíntese natural, e desenvolver um dispositivo molecular para atuar em fotossíntese artificial (FA). Assim, pretende-se preparar o complexo binuclear (polipiridina) Ru-Mn (imidazol) usando como ligante ponte: pirazina. Espera-se que a absorção da luz visível pelo sensibilizador Ru (II) leve a formação do complexo excitado {Ru2+*} com potenciais redox nos estados excitados suficientes para reduzir CO2. Na seqüência, o centro de Mn (I) deve ser oxidado por uma segunda reação de TE intra-molecular para o foto-gerado Ru (III) regenerando q fotossensibilizador Ru (II). O complexo de Mn é regenerado pela oxidação do imidazol que por sua vez retira elétrons da H2O gerando O2 e retornando a sua condição original. (AU)