Busca avançada
Ano de início
Entree

Redução da disfunção miocárdica com o uso de eritropoetina em modelo de isquemia/reperfusão miocárdica neonatal

Processo: 10/01854-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2010
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Orlando Petrucci Jr
Beneficiário:Daise Nunes Queiroz da Cunha
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Isquemia   Cirurgia experimental   Reperfusão   Eritropoetina   Suínos

Resumo

A causa da síndrome de baixo débito cardíaco é multifatorial, contudo, aisquemia e reperfusão que são inevitáveis durante reparos intra cardíacos cirúrgicostem um papel importante. A identificação de estratégias protetoras ao miocárdio quesejam efetivas poderão reduzir a incidência de baixo débito cardíaco com diminuiçãoda mortalidade e morbidade associadas. A eritropoetina (EPO) tem efeitos miocárdioprotetores diretos em diversos experimentos in vivo e in vitro. Nunca foi avaliado asua eficiência em corações imaturos. O objetivo principal da proposta deste estudo édeterminar se a utilização da EPO tem efeitos benéficos na lesão miocárdica emmodelo clinicamente relevante de isquemia/reperfusão miocárdica em coraçõesimaturos de suínos. Este estudo será um prelúdio de estudos clínicos futuros. Paratestar nossa hipótese propomos avaliar a performance miocárdica com índicessofisticados de contratilidade cardíaca e função diastólica do ventrículo esquerdo.Também iremos avaliar a ativação da via RISK com a administração da EPO e adiminuição ou não do índice de apoptose.