Busca avançada
Ano de início
Entree

Double bind e desconstrução: a escritura de Jacques Derrida entre o intraduzivel e a tradução

Processo: 99/09653-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2000
Vigência (Término): 30 de junho de 2000
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Linguística Aplicada
Pesquisador responsável:Paulo Roberto Ottoni
Beneficiário:Paulo Roberto Ottoni
Anfitrião: Jacques Derrida
Instituição-sede: Instituto de Estudos da Linguagem (IEL). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : École des Hautes Études en Sciences Sociales (EHESS), França  
Assunto(s):Desconstrução   Escrita   Tradução

Resumo

O objetivo deste projeto é aprofundar as reflexões que venho desenvolvendo sobre a relação entre tradução e desconstrução, principalmente no que se refere às traduções da escritura de Jacques Derrida. Nessa pesquisa procuro analisar traduções para o inglês dessa escritura, com o objetivo de verificar qual o tipo de intervenção dos tradutores, em determinadas passagens que colocam dificuldades de tradução, e como eles são afetados pelas línguas envolvidas na tradução imposto pelo double bind. Podemos verificar este acontecimento através dos prefácios e notas dos tradutores; ou seja, ao procurarem uma reconciliação entre o intraduzível e a tradução, esses tradutores estão necessariamente intervindo de modo efetivo na disseminação de sentidos proposta pela desconstrução, já que tradução e desconstrução se (con)fundem através do double bind. (AU)