Busca avançada
Ano de início
Entree

Emissoes otoacusticas produto de distorcao: estudo da funcao de crescimento segundo genero e limiar audiometrico.

Processo: 04/11512-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Ana Claudia Fiorini
Beneficiário:Byanka Cagnacci Buzo
Instituição-sede: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). São Paulo , SP, Brasil

Resumo

Segundo LONSBURY-MARTIN et ai. (1993), as EOAPD são definidas como uma energia acústica medida no meato acústico externo, originada da interação não linear de dois tons puros apresentados simultaneamente. Os dois tons puros são denominados f1 e f2. A função de entrada e saída, ou função de crescimento, tema do estudo em questão, avalia a amplitude da EOAPD numa freqüência específica em função do nível (L) do tom primário para um número de níveis de estímulo progressivamente maior (LONSBURY-MARTIN et al, 2002). O objetivo do presente estudo é descrever a analisar os percentis da Função de Crescimento das Emissões Otoacústicas Produto de Distorção em indivíduos normo-ouvintes: Inicialmente, os indivíduos serão solicitados a responderem uma anamnese. Na seqüência, serão realizadas as medidas de emitância acústica, audiometria tonal e o teste de emissões otoacústicas com sua respectiva função de crescimento. Os resultados obtidos serão analisados comparativamente, utilizando métodos de comparação prescritivos usando estatísticas não paramétricas pelas características das variações estudadas. (AU)