Busca avançada
Ano de início
Entree


Caracterização e avaliação do papel do gene wcbE de Burkholderia seminalis linhagem TC3.4.2R3 na interação microbiana.

Texto completo
Autor(es):
Priscila Jane Romano de Oliveira Gonçalves
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Welington Luiz de Araujo; Fernando Dini Andreote; Rodrigo da Silva Galhardo; Luciane Maria Pereira Passaglia; Ana Olívia de Souza
Orientador: Welington Luiz de Araujo
Resumo

Burkholderia seminalis tem sido encontrada tanto em interações patogênicas, quanto não patogênicas. O gene wcbE codifica uma glicosiltransferase e pertence ao cluster wcb, que está relacionado à síntese de cápsula. O objetivo deste trabalho foi investigar o papel do gene wcbE e da temperatura nas interações microbianas de B. seminalis TC3.4.2R3. A produção de biofilme, EPS e compostos antifúngicos foi maior a 28 ºC. Por outro lado, a motilidade, virulência e respostas ao estresse foram maiores a 37 ºC. wcbE produziu menos biofilme que WT e foi atenuada em G. mellonella a 37 ºC, destacando a importância da glicosiltransferase na patogênese. Além disso, wcbE perdeu a habilidade de inibir fungos fitopatogênicos. Embora B. seminalis seja um membro do Bcc, é eficiente contra patógenos clínicos e ambientais, indicando que esta linhagem pode ter interações múltiplas no ambiente. A temperatura e o gene de glicosiltransferase desempenharam um papel crucial nas interações ambientais de B. seminalis TC3.4.2R3. (AU)

Processo FAPESP: 13/03426-9 - Caracterização do cluster wcb de B. seminalis TC3.4.2R3 e do seu papel na síntese de antimicrobianos
Beneficiário:Priscila Jane Romano de Oliveira Gonçalves
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado