Busca avançada
Ano de início
Entree


Modelos de análise de dados de provas de ganho em peso de bovinos da raça Nelore

Texto completo
Autor(es):
Oliveira Junior, Braz Costa
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: Jaboticabal. [2009]. xi, 60 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias
Data de defesa:
Membros da banca:
Albuquerque, Lúcia Galvão de; Munari, Danísio Prado; Zadra, Lenira El Faro
Orientador: Albuquerque, Lúcia Galvão de; Mercadante, Maria Eugênia Zerlotti
Área do conhecimento: Ciências Agrárias - Zootecnia
Indexada em: Banco de Dados Bibliográficos Athena
Localização: Universidade Estadual Paulista. Campus de Jaboticabal. Biblioteca da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias; 636.2:636.082(043)=690; O48m
Resumo

Este trabalho foi realizado com o objetivo de estudar as diferentes formas de análise dos dados de prova de ganho em peso (PGP) em confinamento, visando aumento na resposta à seleção pela inclusão de informações de parentesco nas estimativas dos parâmetros genéticos, assim como na acurácia dos valores genéticos estimados e na classificação final dos animais. As características analisadas foram o peso ao final da PGP (P378), o ganho em peso após o período de adaptação (G112), um índice considerando P378 e G112 (IPGP), além do peso inicial e dois pesos intermediários. Foram utilizadas 18.825 mensurações de pesos de 4.758 animais. Os modelos de dimensão finita considerados incluíram os efeitos fixos de mês e ano de nascimento (1977 a 2006) e classe de idade da mãe ao parto (2 a ≥12 anos), além do efeito linear da idade do animal no início da PGP como covariável. Quanto aos efeitos genéticos, foram considerados dois modelos, um só com o efeito genético direto e outro incluindo o efeito de ambiente permanente materno. Os modelos de regressão aleatória incluíram, como aleatórios, os efeitos genéticos aditivos direto, de ambiente permanente direto e materno e, como fixos, os efeitos de grupo de contemporâneos, a classe de idade da vaca ao parto e o polinômio ortogonal de Legendre da idade do animal (regressão quadrática), como covariáveis. Para comparar os resultados obtidos pelos modelos de regressão aleatória, foram conduzidas análises multicaracterísticas. Um total de 13 modelos de regressão aleatória, aplicando polinômios de segunda a quinta ordem foram considerados para modelar os efeitos genéticos aditivos direto e de ambiente permanente direto e materno. O resíduo foi modelado considerando 1, 3, 4, 6 e 9 classes de variâncias. O modelo contendo 4 classes de variâncias foi o que melhor descreveu o comportamento da trajetória para o efeito residual ao longo do crescimento... (AU)

Processo FAPESP: 07/57916-6 - Análises de provas de ganho em peso entre rebanhos utilizando modelos de características única, múltipla e de regressão aleatória
Beneficiário:Braz Costa de Oliveira Junior
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado