Busca avançada
Ano de início
Entree


Modelagem da dinâmica do uso da terra e instrumentos de Política Ambiental: a expansão da cana-de-açúcar na Bacia Hidrográfica do Tiete/Jacaré (UGRHI 13)

Texto completo
Autor(es):
Paula Madeira Gomes
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Carlos.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos
Data de defesa:
Membros da banca:
Marcelo Montaño; Pedro Cabral; Andréia Medinilha Pancher
Orientador: Marcelo Montaño
Resumo

A expansão da cana-de-açúcar tem ocorrido de maneira intensa no cenário brasileiro, especialmente no estado de São Paulo e região Centro-Oeste do Brasil, com potencial de causar significativos impactos destacando-se a degradação do solo, a poluição dos recursos hídricos, a pressão sobre outras culturas ou matas nativas, conflitos pelo uso do solo, entre outros. O objetivo dessa pesquisa é avaliar a aplicação de técnicas de modelagem do uso do solo em conjunto com instrumentos de política ambiental por meio da modelagem da expansão da cana-de-açúcar na bacia do Tietê/Jacaré (UGRHI 13). A bacia hidrográfica em questão caracteriza-se pela presença de regiões de alta vulnerabilidade ambiental, em termos da fragilidade do território e presença de atributos ambientais de significativo interesse, bem como pelo fato de suas principais atividades econômicas estarem vinculadas ao agronegócio. Para a consecução dos objetivos estabelecidos, o modelo GEOMOD presente na plataforma IDRISI foi aplicado para a projeção da expansão da cana-de-açúcar em 2019. De modo a verificar a aplicabilidade das informações geradas, a projeção gerada foi cotejada a dois instrumentos de planejamento regional: o Zoneamento Agroambiental do Setor Sucroalcooleiro e o Plano de Bacia da UGRHI 13. Constatou-se que a aplicação de modelos de uso do solo para a projeção de alterações nos padrões de ocupação do território apresenta-se como prática promissora que pode ser integrada ao planejamento e gestão ambiental a nível regional, sendo, entretanto, necessário melhorar a performance do modelo elaborado a fim de gerar informações mais confiáveis para os tomadores de decisão. (AU)

Processo FAPESP: 11/04385-9 - Modelagem da dinâmica do uso da terra e instrumentos da política ambiental: a expansão da cana-de-açúcar na bacia hidrográfica do Tietê/Jacaré (UGRHI 13)
Beneficiário:Paula Madeira Gomes
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado